5 maneiras para os moradores de Maringá reformarem gastando pouco na pandemia do coronavírus

Por: - 24 de agosto de 2020
A pandemia inspirou reformas nos lares dos brasileiros / pixabay.com

A pandemia do coronavírus trouxe um período de incertezas inédito no país. Só em Maringá, foram fechadas mais de 5400 vagas de empregos desde janeiro, segundos dados da Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho e Previdência do Ministério da Economia.

Paralelo a isso, com o isolamento social as pessoas começaram a passar mais
tempo em casa. O trabalho virou home office, os treinos passaram a ser feitos
na sala ou no quarto e o lazer se limitou jantares e sessões de filmes e séries
dentro de casa.

Sem uma data para terminar, a pandemia passou a inspirar reformas nos lares.
Uma pesquisa do Grupo Consumoteca revelou que 55% das pessoas da
classe A e 39% da C fizeram alguma mudança na decoração neste período.
Mas se não é o momento de fazer dívidas, qual a solução? Para ajudar os
moradores de Maringá nesta empreitada, separamos 5 maneiras de como
reformar gastando pouco. Confira!

1 – Reforme, não compre novo
Como explicou em sua coluna no SweetestHome, o profissional em consertos
Samuel Chagas viu sua demanda de trabalho crescer durante a pandemia.

“Muitas pessoas estão optando por reformar móveis, por exemplo, que ganham uma nova roupagem e utilidades. Muitos itens como mesas e armários em desuso, passaram a equipar os escritórios em casa neste período, depois de uma reforma que sai mais em conta do que comprar algo novo”, explica o profissional.

2 – Faça você mesmo
O do it yourself, ou faça você mesmo, ganhou força durante a pandemia. Uma
das pioneiras nesta tendência no Brasil é a publicitária e apresentadora do
programa Mais Cor, Por Favor, Thalita Carvalho, que também é dona do blog
Casa de Colorir. A profissional tem uma área dedicada no seu site sobre o
tema onde ensina as pessoas desde como decorar uma parede até construir a própria mesinha sem ferramentas. Ótimo para economizar dinheiro, né?

3 – Pinte uma parede
Acredite, pintar a parede de um cômodo é uma alternativa barata e eficiente que muda completamente o ambiente. Além disso, se você não quiser contratar um profissional, existem vários tutoriais na internet ensinando como pintar diversos tipos de paredes e as tintas adequadas para cada uma delas. Se você mora sozinho, pode dividir a ação em etapas, se mora com a família pode chamar todo mundo para te ajudar nesta empreitada. Existem diversos simuladores online para você testar cores e imaginar como ficaria o ambiente.

4 – Papel de parede
Alguns já vêm com adesivo para você mesmo aplicar. O que simula cimento
queimado está em alta e traz um ar moderno para a reforma.

5 – Mesmo ambiente, nova arrumação
Caso você não queira fazer nenhum investimento agora, saiba que apenas
mudar os móveis de lugar já pode dar um ar de reforma para os ambientes. Na
sala, por exemplo, duas boas dicas são desencostar os móveis da parede para
evitar aquele “efeito rosquinha” e aproximar assentos para trazer um ar de
aconchego ao espaço.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.