Chuva provoca queda de 33 árvores e deixa 10 mil domicílios sem energia em Maringá

Por: - 19 de agosto de 2020
Segundo a Copel, regiões norte e noroeste do Paraná foram as mais atingidas pelos estragos das chuvas / Copel

A chuva registrada durante a madrugada e o início da manhã desta quarta-feira (19/8) causou a queda de 33 árvores e danificou 12 postes de energia elétrica em Maringá. Segundo a Defesa Civil, pelo menos quatro veículos foram atingidos pelas quedas.

O número de árvores que caiu durante a chuva foi atualizado no começo da tarde desta quarta-feira pela Defesa Civil. No primeiro boletim, divulgado pela manhã, havia a informação de que caíram 17 árvores na cidade.

A Copel informou que 10 mil unidades consumidoras estão sem energia em Maringá. Os domicílios sem luz estão concentrados parcialmente no centro da cidade. A região do Instituto Médico Legal (IML) de Maringá, por exemplo, está sem energia na manhã desta quarta-feira.

Segundo a Copel, as regiões norte e noroeste do Estado foram as mais atingidas pelos estragos causados pelas chuvas. Aproximadamente 45 mil unidades consumidoras estão sem luz nas duas regiões. Até o momento, a companhia contabilizou 12 postes danificados na região noroeste.

A comunicação de falta de luz para a Copel pode ser feita pelo aplicativo para celulares, ou enviando um SMS para o número 28593, com as letras “SL” e o número da unidade consumidora. O telefone para informar situações de risco é 0800 51 00 116.

Temperaturas caem a partir de quinta

Na quinta-feira (20/8), o tempo muda com a aproximação de uma forte massa de ar frio que se desloca pelo Sul do Brasil. Segundo o Simepar, temperaturas mais baixas serão registradas ao longo do dia em todo o Paraná e o ar frio se intensifica durante a noite. 

O Simepar avalia que o cenário no Estado não é favorável para a neve. A probabilidade maior é que o fenômeno atinja as serras gaúcha e catarinense e talvez cidades mais altas do Paraná, como Palmas, na região Sudoeste, mas em menor intensidade. Apesar disso, o Simepar não descarta a possibilidade de geada em algumas regiões no fim de semana.

Em Maringá, a previsão é de temperatura mínima de 12°C e máxima de 16°C na quinta-feira. O céu fica parcialmente nublado e pancadas de chuva podem ser registradas ao longo do dia. De acordo com o Simepar, deve chover 8,7 mm na cidade. 

Na sexta-feira (21/8), a temperatura mínima cai para 10°C e a cidade registra máxima de 16°C. A previsão é de 6,3 mm de chuva. 

No sábado (22/8), a chuva deve dar uma trégua em Maringá, mas as temperaturas continuam baixas. A previsão é de céu claro com temperatura mínima de 8°C e máxima de 19°C. O Simepar prevê que o domingo será um dia de céu claro, sem chuvas, e com temperaturas mais altas, entre 10°C e 22°C.  

  • Reportagem atualizada às 14h50 desta quarta-feira (19/8) com a informação da Defesa Civil de que caíram 33 árvores em Maringá por causa da chuva.