UEM inicia aulas do primeiro semestre, de forma remota, na segunda-feira (17/8)

Por: - 13 de agosto de 2020
Alunos que prefiram não cursar de forma remota poderão trancar o curso ou fazer o cancelamento da matrícula em disciplinas específicas / Agência Brasil

As aulas dos cursos de graduação presenciais da Universidade Estadual de Maringá (UEM) começam na segunda-feira (17/8), em regime de ensino remoto emergencial. O primeiro semestre do ano letivo de 2020, que começa na segunda-feira, vai até 19 de dezembro. O segundo semestre de 2020 está previsto para começar em 18 de janeiro de 2021. 

Segundo a UEM, calouros e veteranos que estejam impossibilitados ou prefiram não cursar de forma remota poderão trancar o curso para todo o ano letivo de 2020, sem prejuízo no prazo máximo de integralização do curso, ou seja, do tempo que têm para se formar. 

O professor Carlos Humberto Martins, diretor de Assuntos Acadêmicos da UEM, informa que o trancamento é gratuito e o pedido pode ser formalizado pela Secretaria Acadêmica Virtual (SAV) em qualquer momento. Martins explica que ao trancar o aluno perde temporariamente o vínculo com a universidade, por isso “a decisão de efetuar o trancamento deve ser tomada após bastante reflexão e conversa com o coordenador do curso”.

No lugar de trancar o curso, o aluno pode fazer o cancelamento gratuito das matrículas em disciplinas específicas que serão ofertadas. Ou seja, poderá cursar uma e outra não, por exemplo. Para fazer esse procedimento é necessário preencher um formulário e enviá-lo à coordenação do curso de graduação presencial.  

Conforme a resolução do CEP, os Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) poderão ter suas defesas realizadas de forma remota durante o período excepcional  e a orientação pode ocorrer a distância. 

Em relação às pesquisas, a obtenção dos dados deve considerar as normas institucionais, municipais, estaduais e federais do regime de excepcionalidade. A normativa também aborda estágios e aulas práticas, sendo que os coordenadores e alunos devem dialogar sobre as especificidades de cada curso.

A UEM  informou que a Diretoria de Assuntos Acadêmicos (DAA) está enviando, com autorização dos coordenadores, os horários de aulas aos e-mails institucionais dos acadêmicos e também os disponibilizando na Secretaria Acadêmica Virtual (SAV). Alguns coordenadores estão finalizando os horários e, por isso, ainda não liberaram essa informação.

Devido à pandemia, os atendimentos pela DAA estão sendo feitos por e-mail e telefone, reservando-se o atendimento presencial unicamente para casos excepcionais, desde que previamente agendados

Na sexta-feira (14/8), a UEM realizará uma live para que os alunos tirem dúvidas sobre o ensino remoto emergencial. A partir das 9h30, os acadêmicos poderão conversar com professor Carlos Humberto Martins, diretor de Assuntos Acadêmicos, Alexandra de Oliveira Abdala Cousin, pró-reitora de Ensino (PEN), e Maria Eunice Franca Volsi, diretora de Ensino de Graduação (DEG).

A instituição também preparou tutoriais para orientar os alunos nas ferramentas tecnológicas que serão utilizadas durante o ensino remoto. 

Vestibular 2020

O Vestibular 2020 vai ocorrer entre os dias 7 e 8 de fevereiro de 2021. A seleção irá oferecer 2.989 vagas, que antes seriam divididas entre as edições de inverno e verão do vestibular. As provas do Processo de Avaliação Seriada (PAS) estão marcadas para 28 de fevereiro. 

O Vestibular para Ensino a Distância (EAD), com oferta de 900 vagas, também será em 28 de fevereiro. A instituição não divulgou a data de abertura das inscrições dos processos seletivos.  

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.