Maringá registra uma morte e 176 novos casos de Covid-19 no fim de semana. No sábado e domingo, 24 estabelecimentos foram fechados

Por: - 20 de julho de 2020
Equipes da fiscalização fecharam 24 estabelecimentos entre sábado e domingo (18 e 19/7)

No fim de semana, Maringá registrou o 36º óbito por Covid-19. A morte foi confirmada no sábado (18/7). A vítima é um homem de 68 anos, sem histórico de viagem. Ele sentiu os primeiros sintomas em junho e procurou o atendimento hospitalar no dia 22 do mesmo mês, quando foi internado na UTI. O homem, hipertenso, permaneceu internado e faleceu na sexta-feira (17/7).

Apenas no sábado (18/7), o boletim diário divulgado pela Secretaria de Saúde de Maringá trouxe a confirmação de 73 novos casos de Covid-19. Neste domingo (19/7), foram confirmados mais 103 casos da doença. Os números do sábado incluem 32 mulheres, 38 homens e três crianças. As idades variam de 5 meses a 84 anos. Em relação ao domingo, são 60 mulheres e 43 homens. As idades variam entre 14 e 74 anos.

A taxa de ocupação da UTI adulto geral chegou a 69,2% no sábado e subiu para 74,8% no domingo. Com o índice, a cidade permanece em risco alto, representado pela cor laranja na matriz de risco estabelecida pela Secretaria de Saúde de Maringá.

A matriz é um documento de referência que estabelece parâmetros para adoção de medidas de restrição e controle. A partir de uma equação entre taxa de positivados e de ocupação hospitalar, o nível de risco pode evoluir na escala de cinco cores. Laranja indica o nível 3.

Os casos de Covid-19 não param de crescer em Maringá
Boletim de sábado (18/7) e domingo (19/7), divulgados pela Prefeitura de Maringá. Foram registrados 176 casos nos dois dias/ Foto: PMM

Fiscalização fechou 24 estabelecimentos no fim de semana

No sábado (18/7), equipes de fiscalização da Prefeitura de Maringá receberam 188 denuncias. Do número total de denúncias, 64 estabelecimentos foram vistoriados, 23 foram fechados pelos fiscais e nenhuma empresa foi multada.

No domingo (19/7), foram mais 157 denuncias e 37 estabelecimentos comerciais vistoriados. Apenas um local foi fechado e nenhuma multa foi aplicada.

Segunda a assessoria de imprensa da Prefeitura de Maringá, denúncias devem ser feitas pelos telefones 156 ou 190. A assessoria orienta que denúncias de festas clandestinas sejam feitas via 190.

Em outros casos como aglomeração em espaços públicos, desrespeito de medidas de isolamentos por empresas, entre outras reclamações, as denúncias devem ser feitas pela Ouvidoria Municipal no 156.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.