Registro de novos casos de dengue diminui no Paraná e em Maringá, mas alerta continua

Por: - 3 de junho de 2020
Apesar da tendência de queda, prevenção contra a dengue deve continuar / Agência Brasil

O Paraná e Maringá registraram queda no número de casos de dengue. O boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde na terça-feira (2/6) indica que foram registrados 18.650 novos casos no Paraná e 409 em Maringá em comparação com o último informe de 19 de maio, com uma diferença, portanto, de 15 dias.

A queda nos casos pode ser percebida pelo número de novas notificações. Entre 12 e 19 de maio, período de sete dias, foram registrados 12.633 novos casos de dengue no Paraná e 900 em Maringá. Em um período maior, de 15 dias, entre 5 e 19 de maio, o Estado registrou 22.922 novos casos e Maringá 1.355.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o monitoramento da dengue tem início em julho e, pela curva endêmica, a partir de junho a tendência é de queda no número de casos. Por esse motivo, o boletim voltará a ser quinzenal, como já ocorreu desde o último documento publicado em 19 de maio.

No total, o Paraná tem quase 199 mil casos confirmados, referente ao período epidemiológico iniciado em 28 de julho de 2019 até sábado (30/5). Em Maringá, são 8.205 casos e nove mortes. Há casos em 343 municípios do Paraná, sendo que 237 continuam em epidemia.

Apesar da tendência de redução no número de casos, o secretário estadual de Saúde, Beto Preto, reforça que a prevenção deve continuar. “Nossa tendência é de queda, o que já temos constatado, estudamos isso constantemente e percebemos que os casos estão reduzindo em volume. Mas não baixamos a guarda ainda, temos que avançar no que se refere à prevenção da dengue já pensando no próximo ano”, disse o secretário.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.