Pesquisa vai avaliar velocidade de expansão e disseminação do vírus em Maringá e região

Por: - 17 de abril de 2020
Vista da Catedral e do centro de Maringá / Pólen Comunicação

A Prefeitura de Maringá vai reforçar o banco de dados sobre a Covid-19 com pesquisa que vai mapear a velocidade de expansão do vírus e seu potencial de disseminação na cidade e nos municípios de Sarandi e Paiçandu.

O estudo, que também pretende quantificar o percentual de infectados assintomáticos, vai ser conduzido por três instituições de ensino – Universidade Estadual de Maringá (UEM), Unicesumar e Uningá, conforme termo de cooperação técnica assinado na manhã desta sexta-feira (17/4).

“Todas nossas medidas em relação ao enfrentamento da pandemia são tomadas de forma técnica, sempre amparadas em referências científicas. Não existe achismo nesse processo. As decisões são orientadas por estudos e recomendação de profissionais que organizam dados relevantes para que tudo seja feito com segurança e cautela”, afirma o prefeito Ulisses Maia.

O prefeito reforça que o termo de cooperação com três importantes instituições de ensino da cidade reafirma a importância de acompanhar a evolução da pandemia a partir de dados científicos, também defendidos pelo secretário de Saúde, Jair Biatto.

“É importante acumular informações técnicas para dar ainda mais segurança às nossas decisões”, afirma o secretário.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.