Plantão de acolhimento psicológico da prefeitura começa nesta terça. Veja como cuidar da saúde mental

Por: - 24 de março de 2020
CVV também atende de forma voluntária e gratuita todas as pessoas que precisam conversar / Reprodução

De uma hora para outra, tudo parou. Quem era acostumado com ruas e avenidas movimentadas, o trânsito complicado e a correria do dia a dia se viu dentro de casa em isolamento. Nesse momento, em que a angústia e ansiedade ameaçam bater na porta, é mais importante ainda cuidar da saúde mental.

Para oferecer atendimento e suporte emocional às pessoas que precisam conversar com um profissional durante o período de isolamento, a Prefeitura de Maringá inicia nesta terça-feira (24/3) o plantão de acolhimento psicológico pelo telefone (44) 3309-4700.

O serviço vai funcionar todos os dias da semana, das 7h à 1h. No total, 30 psicólogos da rede municipal de saúde vão se dividir em três turnos de trabalho.

Entre cinco e sete profissionais vão ficar disponíveis para assistência em cada turno. De acordo com a prefeitura, o serviço pode ser ampliado de acordo com a necessidade.

Por volta das 10h30 desse primeiro dia de atendimento, os psicólogos já tinham atendido mais de 20 ligações.

“Esse serviço de acolhimento psicológico é importante para as pessoas que estão em isolamento social e precisam de suporte psicológico, para que sejam orientadas a ter calma e não se apavorar. Ter bastante tranquilidade para conseguir fazer as coisas dentro de casa e junto com a família”, afirma a gerente de Saúde Mental da Secretaria de Saúde de Maringá, Maria Heloísa Cella.

Maria Heloísa Cella, que também é psicóloga, orienta que neste momento as pessoas fiquem em casa, tranquilas, e desenvolvam atividades sozinhas ou junto com a família. Confira algumas orientações da psicóloga para cuidar da saúde mental:

  • Fazer atividades dentro de casa como exercícios físicos, ler livros ou assistir filmes que tragam bem-estar emocional. Buscar atividades mais tranquilas neste momento e não ficar sem fazer nada;
  • Fazer atividades junto com a família ou sozinho que façam bem emocionalmente, evitar consumir informações o dia inteiro sobre o assunto;
  • Dormir e se alimentar bem;
  • Se precisar, ligue no plantão de acolhimento psicológico pelo (44) 3309-4700 e converse com um profissional.

O Centro de Valorização da Vida (CVV) também atende de forma voluntária e gratuita todas as pessoas que querem e precisam conversar. O atendimento é sigiloso e pode ser feito pelo telefone 188, e-mail e chat 24 horas todos os dias.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.