Tarifas de pedágio sobem a partir desta terça. Veja como ficam os preços nas estradas da região de Maringá

Por: - 9 de dezembro de 2019
Praça de Pedágio da Viapar, em Arapongas, em um final de tarde: 20 min de espera / Walter Téle

A Viapar anunciou que a partir da 0 hora desta terça-feira (10/12) as tarifas de pedágio vão subir nas estradas da região de Maringá.

O reajuste de 3,36% foi autorizado pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) e referendado pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR).

Para as praças de Arapongas e Mandaguari, por exemplo, as tarifas de pedágio vão subir de R$ 10,50 para R$ 10,80. Em Presidente Castelo Branco o preço vai ser fixado em R$ 14,70 e na praça de pedágio de Floresta sobe para R$ 16,30.

Obras que a Viapar ainda tem a fazer

Consta no contrato a duplicação da BR-369 no perímetro urbano de Corbélia, no caminho entre Maringá e Cascavel, e a implantação de vias laterais na PR-444, em Arapongas, em andamento.

Também está no contrato a construção do Contorno de Arapongas, na BR-369, o que deve melhorar a ligação de Apucarana com a região de Londrina. Também há previsão de obras no perímetro urbano de Jandaia do Sul.

E tem os investimentos no perímetro urbano do município de Peabiru, único trecho da rodovia entre Maringá e Campo Mourão, que ainda não foi duplicado.

Em Maringá, tem a previsão de construção de um novo viaduto no entroncamento da PR-317 com a PR-323, dentro de Maringá. A obra vai melhorar a mobilidade urbana na cidade porque vai permitir a ligação da PR-323 com a Avenida Arquiteto Nildo Ribeiro da Rocha.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.