Prova do Processo de Avaliação Seriada, o PAS da UEM, avalia quase 30 mil estudantes neste domingo

Por: - 23 de novembro de 2019

Quase 30 mil estudantes do ensino médio fazem, neste domingo (24/11), a partir das 13h50, as provas do Processo de Avaliação Seriada, o PAS da UEM.

A Universidade Estadual de Maringá vai aplicar a prova em Apucarana, Campo Mourão, Cascavel, Cianorte, Goioerê, Ivaiporã, Paranavaí, Loanda, Londrina, Umuarama e em Maringá.

As três etapas do PAS receberam 29.723 inscrições, um aumento de 7,25% na comparação com 2018. Para os candidatos da etapa 3, que vão ingressar na instituição em 2020, a UEM disponibiliza 753 vagas.

A aplicação das provas vai ter início às 14 horas e terminam às 19 horas. O preenchimento da Folha de Respostas e a transcrição da Redação na Folha da Versão Definitiva da Redação precisam estar concluídos neste limite de tempo.

O candidato pode levar bebidas e alimentos (como chocolates e biscoitos) contidos em embalagens de pequeno volume, desde que previamente vistoriados pelos fiscais de sala.

O resultado da Etapa 3 vai ser divulgado no dia 17 de janeiro de 2020, a partir das 10 horas, somente pela internet. O resultado das Etapas 1 e 2 vai ser divulgado no dia 22 de janeiro, também às 10 horas, apenas pela internet.

O PAS da UEM é uma modalidade do processo seletivo para ingresso no ensino superior destinado aos alunos matriculados regularmente no ensino médio e que abrange todas as séries desse nível de ensino. Ao final de cada série, o aluno faz uma prova.

O desempenho em pontos obtidos em cada prova é acumulado e determina o desempenho final do candidato no processo. O escore final é utilizado para a classificação ao curso pretendido. Assim, ao invés de o aluno fazer um só exame ao final do terceiro ano, como ocorre no concurso vestibular convencional, ele participa de avaliações seriadas.

Mais informações pelo telefone (44) 3011-4450 da Comissão do Vestibular Unificado (CVU) ou aqui pelo site oficial do PAS da UEM.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.