Após 20 anos, são confirmados dois casos de Sarampo em Maringá. Secretário de Saúde convoca coletiva de imprensa

Por: - 19 de setembro de 2019
Paraná em alerta contra o sarampo / Divulgação/Sesa

O novo boletim do Sarampo divulgado nesta quinta-feira (19/9) pela Secretaria de Estado da Saúde traz a confirmação de dois casos de Sarampo em Maringá. No Paraná, chega a 13 o número de pacientes identificados com a doença.

O secretário de Saúde, Jair Biatto, convocou a imprensa para falar sobre o controle da doença em Maringá. Ele vai conceder entrevista coletiva nesta sexta-feira (20/9).

O Paraná estava há mais de 20 anos sem registro de sarampo. O último caso havia sido registrado em 1999, remanescente do surto ocorrido no ano anterior. Em 1998 ocorreram 873 casos no Paraná e um óbito decorrente de complicações da doença.

O Informe Epidemiológico nº 4, divulgado nesta quinta, com informações confirmada até a quarta-feira (18/9), mostra que 147 casos estão em investigação e um grupo de 20 pacientes tiveram os exames negativos para a doença.

Em Maringá, além de dois casos confirmados, com suspeita de contaminação no Estado de São Paulo, há um paciente sob investigação e três suspeitas foram descartadas. Em Sarandi, há um caso em investigação.

Dos quatro novos casos confirmados um é de Curitiba, há dois casos de Sarampo em Maringá e um em Ponta Grossa. A faixa etária de todos está entre 20 e 29 anos.

O Informe Epidemiológico mostra o crescimento dos registros de sarampo, tanto de pacientes como nos municípios nos quais os pacientes residem.

“Embora todos os 13 casos sejam importados, sendo que 12 viajaram para São Paulo e um para Santa Catarina, a circulação do vírus está acontecendo e ampliando o seu território no estado. Por isso é importante estar vacinado”, alertou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), os surtos de sarampo se espalham rapidamente em todos os continentes. Nos primeiros sete meses de 2019 a OMS informa que mais de 364 mil casos de sarampo foram registrados em 182 países. No mesmo período em 2018 esse número foi de pouco menos que 130 mil casos, em 181 países.

No Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, são 3.339 casos confirmados até o dia 7 de setembro. Os casos estão distribuídos em 16 estados do país. A maior concentração é em São Paulo.

Veja mais informações sobre o sarampo e a vacinação contra a doença nesta outra reportagem do Maringá Post.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.