Família confirma a morte de Divanir Braz Palma na tarde desta quarta. Conheça um pouco da trajetória

Por: - 14 de agosto de 2019
Divanir Braz Palma era diretor da Monolux Negócios Imobiliários e do Metrópole Hotel / Chuniti / Cohapar

O empresário Gilberto Palma, o Giba, confirmou na tarde desta quarta-feira (14/8) a morte do pai Divanir Braz Palma, de 75 anos. A família passava por uma grande angústia desde a noite de domingo (11/8), quando ocorreu a morte cerebral do empresário. Sem chances de recuperação, viveram dias de luto junto à rotina hospitalar.

Divanir Braz Palma estava internado desde a semana passada, quando sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC). O velório vai ser realizado na Câmara Municipal de Maringá, com previsão de início para as 22 horas desta quarta-feira (14/8). Por volta das 16h30 desta quinta-feira (15/8), o cortejo vai seguir para o Cemitério Parque, onde vai ser realizada uma cerimônia de cremação.

Por meio de nota, o prefeito de Maringá, Ulisses Maia (PDT), lamentou a morte do político e empresário. “Divanir Braz Palma é um dos personagens importantes na história da cidade e deixa um legado de empresário bem sucedido, de político alinhado com as causas importantes no contexto de Maringá e da região, mas principalmente como um cidadão comprometido e empenhado em participar do aperfeiçoamento das instituições como instrumento de integração social e econômica”, afirmou.

Nascido em Londrina, de origem pobre, Braz Palma trabalhou desde criança. Foi lavrador, professor primário, inspetor de oficina mecânica e vendedor.

Atualmente, ele era diretor da Monolux Negócios Imobiliários e do Metrópole Hotel, além de ser dono de algumas propriedades rurais. Palma também escreveu parte da trajetória dele no campo político. Em 1997, foi eleito vereador em Maringá pelo Partido Progressista Brasileiro, atual Progressistas (PP).

Dois anos depois, em 1999, ele foi eleito deputado estadual pela mesma sigla com 22.692 votos. Na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), foi vice-presidente da Comissão de Terras, Imigração e Colonização e membro das comissões de Ecologia e Meio Ambiente, Agricultura e Indústria e Comércio.

Divanir Braz Palma era casado com a escritora e membro da Academia de Letras de Maringá, Maria Eliana Palma. Além da esposa, ele deixa dois filhos, Eliana Patrícia Magalhães Silva Palma e Gilberto Braz Palma e três netos, Isadora, Álvaro e Heloise.

Nas redes sociais dos familiares, amigos deixaram mensagens de carinho e de agradecimento pela vida do empresário. O filho, Gilberto Braz Palma, publicou uma homenagem feita para o pai em 2014 e agradeceu pela educação e exemplo que o pai transmitia para a família.

“Você foi um homem incrível, nasceu pobre mas nunca se fez de vítima. Trabalhou de criança até seu último dia de vida, ajudou a todos, me ensinou que honestidade é o maior patrimônio”, escreveu o filho.

Divanir Braz Palma ao lado da esposa, filhos e netos / Reprodução Facebook Revista Tradição

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.

Tenha acesso liberado ao melhor jornalismo da cidade. Assine o Maringá Post e fique bem informado. Saiba mais aqui.