Prefeitura de Maringá anuncia que aplicativo para controle de vagas do EstaR começa a funcionar em 2019

Por: - 9 de agosto de 2019

A Prefeitura de Maringá, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), anunciou que vai lançar até o final de 2019 o aplicativo “Digipare”. A ferramenta vai controlar o estacionamento na área central, onde os motoristas estão habituados a pagar pelas cartelas para utilizar as vagas do EstaR, Estacionamento Rotativo Regulamentado.

O aplicativo vai garantir aos usuários mais uma opção de compras de créditos, consultas e informações de vagas. Na manhã desta sexta-feira (9/8), a Areatec, de São Paulo, que venceu licitação aberta pelo município, fez uma demonstração do sistema aos técnicos da Semob.

A empresa apresentou uma proposta de R$ 1,7 milhão. No edital de licitação, o preço máximo estipulado pela administração municipal foi de R$ 1,9 milhão pelo sistema.

O sistema vai permitir ao usuário fazer a compra de créditos pelo aplicativo, sites ou totens posicionados em estabelecimentos comerciais, além de agilizar e diminuir eventuais falhas cometidas nas atuações. A expectativa é que o aplicativo possa aumentar a rotatividade na área de estacionamento regulamentado.

“O aplicativo terá a forma de pagamento no crédito e débito. Serão mais de 150 pontos de vendas nos comércios, 65 pontos com os agentes operacionais e mais 20 totens espalhados na cidade. Os totens ficarão mais acessível à população fora da região central”, explica o secretário da Semob, Gilberto Purpur.

O aplicativo ′Digipare′ já está disponível para dispositivos mobiles com os sistemas Android e IOS. Mesmo que o sistema ainda não esteja funcionando na prática, os usuários podem fazer o cadastro pessoal e do veículo. A mudança do sistema manual para o digital vai ser feita de forma gradativa.

Atualmente, o valor cobrado por cada 60 minutos de estacionamento nas vagas do EstaR é de R$ 1,75.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.