Maringá ocupa a 4ª posição nacional e o primeiro lugar no Estado no Índice de Governança Municipal

Por: - 23 de julho de 2019
Vista aérea de Maringá / Pólen Comunicação

Maringá ocupa a 4ª posição do Índice CFA de Governança Municipal (IGM-CFA) entre os 154 municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes e PIB per capita acima de R$ 28,9 mil. A cidade também é a mais bem avaliada do Estado e figura em primeiro lugar entre os municípios paranaenses. 

O IGM de Maringá é de 8,43 e a nível nacional a cidade só fica atrás dos municípios de Piracicaba (8,46), São José do Rio Preto (8,49) e Indaiatuba (8,70), todos no Estado de São Paulo. Os municípios são divididos em grupos, que vão de 1 a 8, de acordo com o número de habitantes e o PIB per capita.

Maringá também é a única cidade paranaense entre os 10 primeiros municípios do grupo 8. Outras cidades do Estado só aparecem a partir da 12ª posição, como é o caso de Toledo (8,14). Em 20º lugar está Londrina (8,00), 23º Cascavel (7,92) e 24º Curitiba (7,92).

O índice, lançado em novembro de 2016 pelo Conselho Federal de Administração (CFA), é uma métrica da governança pública nos municípios brasileiros e leva em conta três dimensões: finanças, gestão e desempenho.

Para chegar ao resultado de cada dimensão são analisadas áreas como saúde, educação, gestão fiscal, habitação, recursos humanos, transparência, violência e outros.

São utilizados dados de gastos com pessoal, investimento, mortalidade infantil, cobertura vacinal, Índice de Desenvolvimento Educacional (Ideb), acesso à água e esgoto, transparência e outras variáveis. O ranking é atualizado anualmente com informações de anos anteriores.

No levantamento divulgado em 2019, Maringá obteve pontuação de 8,14 na dimensão finanças, 7,88 em gestão e 9,27 em desempenho. Os dados ficam disponíveis no site do IGM-CFA que permite explorar as informações de cada uma das dimensões analisadas no município.

De acordo com o administrador e professor no departamento de administração da Universidade Estadual de Maringá (UEM), Fabrízio Meller da Silva, Maringá se destaca desde a primeira edição do IGM. Em 2016, a cidade ocupou o primeiro lugar a nível nacional no ranking do Índice de Governança Municipal.

Agora, Maringá também foi escolhida para iniciar uma série de workshops sobre gestão pública. O evento, organizado pelo Conselho Regional de Administração do Paraná (CRA-PR) vai ocorrer na sexta-feira (26/7) e no sábado (27/7). Os workshops também serão realizados em outros municípios do interior do Estado.

Durante o evento serão divulgados os resultados preliminares do ranking da administração de regiões metropolitanas do Paraná. Também haverá uma análise das informações levantadas pelo Índice de Governança Municipal.

Aberto apenas para administradores e tecnólogos em gestão registrados no CRA-PR, a ideia do workshop é capacitar os profissionais para que eles possam atuar como consultores junto às prefeituras paranaenses.

O professor da UEM, Fabrízio Meller da Silva, disse acreditar que os dados do IGM contribuem para uma gestão pública eficiente, em que a utilização dos recursos públicos possa trazer resultados para os municípios.

“Para o gestor, o IGM auxilia na questão do planejamento estratégico do município e contribui para um diagnóstico dos pontos fracos e fortes do municípios. Os resultados também podem ser utilizados na formulação de políticas públicas”.

Entre os 156 municípios brasileiros, Maringá ocupa a 4ª posição / Reprodução
Maringá está em primeiro lugar entre as cidades paranaenses / Reprodução

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.