Coletivo de jovens negros de Maringá organiza ato pela memória da vereadora Marielle Franco nesta quinta

Por: - 13 de março de 2019
Assassinato da vereadora completa um ano nesta quinta-feira / Reprodução

Nesta quinta-feira 14 de março de 2019, quando o assassinato da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco (PSOL), e do motorista Anderson Gomes completa um ano, o coletivo organizado por jovens negros Yalodê-Badá e o PSOL organizam um ato em Maringá pela memória de Marielle, contra o racismo e o genocídio negro.

O ato vai começar às 17 horas na Praça Napoleão Moreira da Silva. Em todo o Brasil, movimentos sociais também organizam protestos para pedir que as investigações encontrem os mandantes da execução.

Na terça-feira (12/3) dois acusados de serem os executores da vereadora foram presos. O Ministério Público do Rio de Janeiro informou que Marielle foi morta por causa de uma “repulsa” do atirador Ronnie Lessa à atuação política da vereadora em defesa das minorias, mas não descarta que o crime possa ter sido encomendado. Esses aspectos vão ser abordados na segunda fase da investigação, que está sob sigilo.

Para a estudante de Ciências Sociais e membro do Yalodê-Badá, Daniara Thomaz, além de pedir justiça pelo assassinato da vereadora, o ato também protesta contra o preconceito e o genocídio negro, bandeiras também levantadas por Marielle. “Antes dela ser uma figura política, ligada a um partido, ela era uma militante, não só da população negra, mas da população LGBT também.”

Organizado pelas redes sociais, o ato traz à tona dados importantes sobre a população negra no Brasil. Números do Mapa da Violência da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais e que foram apresentados pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 2017, revelam que a cada 23 minutos um jovem negro morre no Brasil.

O protesto vai ser concentrado na praça e vai contar com apresentações do Movimento Baque Mulher Maringá e outras performances artísticas. De acordo com Daniara, o ato é apartidário e marca um dia importante para a população negra.

“É um dia de luto, mas também de luta para combater questões como o racismo que a gente enfrenta diariamente”, afirmou.



Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Agência do Trabalhador de Maringá abre 153 vagas. Tem dez para operador de caixa

Cargos com maior número vagas são de montador de estruturas metálicas, com 16, e soldador, com 11.

Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Agência do Trabalhador de Maringá abre 153 vagas. Tem dez para operador de caixa

Cargos com maior número vagas são de montador de estruturas metálicas, com 16, e soldador, com 11.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS