Morador denuncia descarte irregular de lixo no Jardim Campos Elíseos em vídeos no YouTube. Desrespeito é recorrente no local

Por: - 28 de agosto de 2018

Wanderley Ramos, 53 anos, morador do Jardim Campos Elíseos não cansa de botar a boca no trombone. Em vídeos postados no YouTube, ele tem denunciado o descarte irregular de lixo na Rua Rio Samambaia. A situação, segundo Ramos, é recorrente.

Além de demonstrar a indignação em vídeos, ele também liga para reclamar no 156, telefone da Ouvidoria do município. Ramos costuma ter os pedidos atendidos pela Secretaria Municipal dos Serviços Públicos.

“O cheiro é muito forte. Fica na frente da pista de caminhada e ao final da rua tem uma Unidade Básica de Saúde, uma horta comunitária e uma creche. É perigoso. Não dá pra deixar assim”, desabafa o morador. Ele se refere a UBS Piatã e o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Professor Nadyr Penteado Virmond.

No vídeo mais recente, Ramos mostrou seringas, animais mortos, sofá, televisão, latas de tinta e galhos de árvores. Foi divulgado no sábado (25/8). “Olha que bagunça que estão jogando aqui. Tá um cheiro ruim danado”, afirmou durante a filmagem.

O local é um fundo de vale. Para piorar a situação, resíduos acumulavam parada. O morador mora há 20 anos no bairro e diz que o problema do descarte irregular de lixo no bairro se repete há seis anos.

Ramos diz que a Prefeitura de Maringá prometeu cercar a área e fazer o plantio de árvores para impedir o acesso, mas depois de três meses após ser informado sobre a revitalização, nada foi feito. O fundo de vale está na programação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Bem-estar Animal (Sema), mas sem previsão de conclusão.

O morador diz que a maior parte do lixo é jogado por pessoas que moram em outros bairros e até de outras cidades. “Estou cansado de ver carros de fora parando aqui e jogando coisas. Até ligo pra Guarda Municipal, mas quando eles chegam, a pessoa já foi embora”, lamenta.

“Não temos como fazer o monitoramento dessas áreas. Agimos de acordo com as denúncias que recebemos”, explica o diretor administrativo da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SEMUSP), Angelo Salgueiro. O local foi limpo após a denúncia e o vídeo de Ramos, mas parece não ter adiantado.

Nesta segunda-feira (27/8), o morador afirmou que já tinham feito, novamente, o descarte irregular de lixo no local. Veja abaixo o vídeo postado pelo morador no sábado (25/8).

Prefeitura indica falta de consciência do cidadão

“Existem vários pontos como esse em toda a cidade. Retiramos os entulhos em um dia, no dia seguinte está cheio de novo”, afirma Salgueiro. Segundo o diretor, esse tipo de descarte acontece pela falta de consciência da população.

“A gente coloca placa dizendo que está sujeito a multa, mas não adianta. É um problema cultural que vem de longo prazo”. Se o cidadão tem algum descarte a ser feito e não sabe o que fazer, a orientação é contratar uma empresa de descarte ou um disk entulho para  saber qual a destinação adequada a ser dada

Caso a pessoa não possa contratar uma empresa, a prefeitura conta com um ponto de descarte licenciado e autorizado localizado na Pedreira Municipal.

Descarte irregular de lixo é recorrente no bairro

Essa não foi a primeira vez que Wanderley Ramos denunciou o lixo na Rua Rio Samambaia. Ele já fez isso outras três vezes. Há uma semana, há um mês e há dois meses. O problema e a indignação são sempre os mesmos.

 



Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Agência do Trabalhador de Maringá abre 153 vagas. Tem dez para operador de caixa

Cargos com maior número vagas são de montador de estruturas metálicas, com 16, e soldador, com 11.

Estudante de Química da UEM é morto em atentado em Maringá. Mais dois jovens ficaram feridos

O jovem estudante morreu na Rua Mandaguari esquina com a Rua Bragança, na zona 7.

Vítima do atentado em Maringá, professor Mima fazia Mestrado na UEM e dava aulas em cursinho de Apucarana

No Facebook, jovem se apresentava com a frase: "Eu tenho um sonho... Isso é tudo que preciso..."

Autor do ataque em pensionato de Maringá conhecia as vítimas e morava na casa há mais de um ano

O enterro da vítima será nesta segunda-feira (18/3), às 15h, no Cemitério Municipal de Conchas, no interior de São Paulo.

Prazo de inscrições para o concurso do Aeroporto de Maringá se encerra na quarta-feira

Os salários variam de R$ 1,49 mil, para auxiliar administrativo e auxiliar de operações aeroportuárias, a R$ 5,72 mil para engenheiro civil.

Agência do Trabalhador de Maringá abre 153 vagas. Tem dez para operador de caixa

Cargos com maior número vagas são de montador de estruturas metálicas, com 16, e soldador, com 11.

Empregos em Maringá

Últimas vagas de Empregos

GUIAS