Maria Aparecida, esposa de assessor do vereador Homero Marchese é morta dentro de casa na zona 5. Suspeita inicial é de latrocínio. Corpo será sepultado neste domingo

Por: - 23 de junho de 2018
Movimentação na Rua Antônio Carniel, onde aconteceu o latrocínio / Kelly Moraes

Maria Aparecida Carnelossi Pacífico, 60 anos, esposa de José Carlos Pacífico, assessor do vereador Homero Marchese (Pros), foi encontrada morta dentro da casa onde morava na Rua Antônio Carniel, na zona 5. O crime aconteceu na manhã deste sábado (23/6).

A suspeita inicial da Polícia Militar é de latrocínio, que é o roubo seguido de morte. Dentro da casa, segundo as primeiras informações obtidas no local do crime, foram encontrados pratos usados pelos suspeitos para se alimentar, além de várias digitais.

Maria Aparecida, conhecida como Kaká, foi morta a pauladas. A família costumava ajudar moradores de rua com alimentos e não é descartada a possibilidade de que o crime possa ter sido cometido por uma dessas pessoas ajudadas pelo casal.

A movimentação em frente à residência da vítima foi grande após as 12 horas. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) por volta das 13h30.

Os policiais vão tentar identificar os autores por meio de câmeras de seguranças de residências localizadas na região.

No começo da tarde deste sábado (23/6), a governadora do Paraná, Cida Borghetti (PP), esteve no local onde ocorreu o homicídio. Ela prestou solidariedade à família e pediu celeridade no trabalho de investigação.

Peritos da Polícia Científica estiveram na residência e colheram digitais encontradas no local do crime. Em conjunto com as análises, investigadores tentam identificar e prender os responsáveis.

Esta reportagem teve colaboração da repórter da Rede Massa, Kelly Moraes, e de Tuia do Paraná.

O tenente Caio concedeu entrevista no local do crime.

Sepultamento de Maria Aparecida será neste domingo

Segundo informações do Prever, o corpo de Maria Aparecida Carnelossi Pacífico vai ser velado na capela 7 do Prever de Maringá, na Rua Vereador Primo Monteschio, 250, na zona 2. O sepultamento de Kaká vai ser às 13 horas deste domingo (24/6) no Cemitério Municipal de Maringá.

Maria Aparecida Carnelossi Pacífico / Reprodução redes sociais

Reportagem atualizada às 21h30 de domingo (24/6) com a correção do sobrenome da vítima. A grafia correta é Carnelossi, e não Canelossi como a postagem inicial. 

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.