Para católicos, Tríduo Pascal começa na quinta com Lava-pés e termina no domingo, com a ressurreição: veja horários das celebrações na Catedral. “A Paixão de Cristo” será na sexta

Por: - 29 de março de 2018
Mais de dez mil pessoas assistiram ao espetáculo na noite de quarta-feira (28/3) (Imagem/Janaina Lopes)

A Páscoa é a festa litúrgica mais importante para a Igreja Católica, porque celebra a ressurreição de Jesus. Diferente do que muitos imaginam, a Páscoa para os católicos é celebrada em três dias especiais: a Sexta-feira Santa, Sábado de Aleluia e Domingo de Páscoa.

Porém, o Tríduo Pascal, como são chamadas essas três celebrações, começa na quinta-feira à noite com a Missa do Lava-pés e da Santa Ceia. Para o catolicismo, o ponto alto do tríduo ocorre no sábado, durante a Vigília Pascal, véspera da ressurreição.

Na Catedral Nossa Senhora da Glória, os três dias serão marcados por missas, confissões e vigílias. A última apresentação do espetáculo “A Paixão de Cristo”, nesta sexta-feira (30/3), que reúne milhares de pessoas na Praça da Catedral, também faz parte das celebrações.

Programação de quinta e sexta-feiras

Nesta quinta-feira (29/3), o arcebispo dom Anuar Battisti celebra a Missa da Ceia do Senhor, às 20h. Nela, ocorre a cena do lava-pés, quando o sacerdote lava os pés de alguns fiéis, para relembrar o gesto de humildade de Jesus, que na última ceia, se ajoelhou e lavou os pés dos discípulos.

Às 22h, logo após a missa, o Santíssimo Sacramento será retirado do sacrário e, a partir desse momento, até as 11h da manhã de sexta-feira (30/3), os fiéis vão se revezar na chamada Vigília Eucarística.

Na de sexta-feira, das 8h às 11h, padres vão receber confissões na Catedral. Neste dia, a igreja celebra a Paixão do Senhor, às 15h, hora que o catolicismo acredita ser o momento da morte de Jesus. A celebração é marcada pelo silêncio e adoração à cruz.

Para a Igreja Católica, o dia não é de funeral, mas de contemplação da morte vitoriosa de Jesus. A partir das 20h, na Praça da Catedral, ocorrerá a segunda e última apresentação do espetáculo “A Paixão de Cristo” deste ano.

Sábado de Aleluia e domingo de Páscoa

O missal romano, livro utilizado nas missas, diz que neste dia “a Igreja fica parada junto ao sepulcro do Senhor, meditando a sua paixão e morte”. Em Maringá, a Vigília Pascal será presidida pelo arcebispo dom Anuar Battisti, às 20h.

A missa conta com momentos de Celebração da Luz, Proclamação da Páscoa do Senhor, batismo de adultos e eucaristia.

No Domingo de Páscoa haverá quatro missas na catedral para celebração da ressurreição de Jesus. Os horários são: 9h30, 12h, 18h e 19h30.

Última apresentação de “A Paixão de Cristo”

Cerca de 10 mil pessoas assistiram a primeira apresentação do espetáculo  “A Paixão de Cristo” nesta quarta-feira (28/3). Os espectadores acompanharam do batismo de Jesus no Rio Jordão, que foi montado no palco, até a ressurreição em cima da Catedral, à mais de 110 metros de altura.

“A população compareceu e ficou impressionada com os painéis de LED inseridos no cenário, com imagens diferentes que compõem as cenas”, disse o editor-executivo do espetáculo, Marlos Almeida.

Os painéis de LED são inéditos no espetáculo – estão sendo utilizados pela primeira vez este ano -, assim como uma trilha sonora exclusiva. Outra novidade é a presença de duas intérpretes de libras, que ficam no lado esquerdo do palco.

Para esta sexta-feira, são esperadas cerca de 40 mil pessoas, quando ocorre a última apresentação do teatro “A Paixão de Cristo”, às 20h, na Praça da Catedral. Neste ano, a narrativa é feita a partir do Evangelho São Marcos, o mais antigo dos quatro evangelhos.

O diretor-executivo diz que são disponibilizadas algumas cadeiras para portadores de necessidades especiais, terceira idade e gestantes. Quem for usar, deve chegar uma hora antes do início da apresentação.

O espetáculo, maior do gênero no sul do país, será a céu aberto em uma área de aproximadamente mil m². A previsão do instituto Simepar é de 10 mm de chuva durante o dia. A partir do início da apresentação, a probabilidade de chuva é de 35%.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.