Duas unidades básicas de saúde de Maringá ganham Selo Ouro de qualidade na atenção primária

Por: - 24 de novembro de 2017
Unidade Básica localizada no Conjunto Porto Seguro recebeu o Selo Ouro; reconhecimento da qualidade do atendimento / Prefeitura de Maringá

As unidades básicas de saúde Céu Azul e Universo, localizadas no Conjunto Porto Seguro e  no Jardim Universo, receberam o Selo Ouro do Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde (Apsus).

Criado em 2011 pela Secretaria de Estado da Saúde, o programa tem como objetivo certificar a atenção primária pela excelência do trabalho no atendimento à população. Foi a primeira vez na história do projeto que unidades de saúde receberam o Selo Ouro.

Para ter o reconhecimento, a unidade de saúde precisa aderir a um processo de tutoria que visa a orientar às equipes na reorganização dos processos de trabalho.

O programa avalia cerca de 100 critérios. A análise envolve a estrutura, a organização da atenção prestada aos cidadãos e a avaliação de resultados e indicadores de saúde na comunidade.

“Os selos são responsáveis por deixar claro qual é o nível de resultado que cada uma dessas unidades atingiu. Demonstram a reestruturação do local, seus novos processos de trabalho e que, consequentemente, há mais qualidade nos serviços de saúde”, ressalta o superintendente de Atenção à Saúde, Juliano Gevaerd.

“Essa certificação foi um grande desafio que exigiu transformarmos nossos processos de trabalho e também a nós mesmos como profissionais. Começamos a ver o paciente de uma forma diferenciada e entendemos quantas questões podemos resolver aqui mesmo, dentro da atenção primária”, diz a enfermeira da Unidade de Saúde Céu Azul, Marcielle Deringer.

A Unidade de Saúde atende à população de oito bairros, aproximadamente 5 mil habitantes. “O atendimento aqui é nota mil. Eu e toda a minha família sempre tivemos tudo o que precisamos. E todos na região dizem a mesma coisa”, conta a aposentada Natália Ramos, uma das usuárias dos serviços do local.

A equipe é composta por médicos, profissionais de enfermagem, agentes de saúde, odontólogos, psicólogos e gestores, além do Núcleo de Atenção à Saúde da Família com farmacêutico, fonoaudiólogo, nutricionista, educador físico, fisioterapeuta e assistente social.

Ana Maria Ferreira é acompanhada na unidade e também aprova o serviço. “Venho para ser atendida pelo médico, pelo dentista, faço exames. O atendimento é sempre excelente”.

Dezessete unidades básicas foram premiadas na região

Dezessete unidades de saúde da região de Maringá receberam selos de qualidade nesta quinta-feira (23/11), em cerimônia realizada no auditório da Unicesumar.

SELO OURO
Centro de Saúde Tancredo Neves (Munhoz de Mello)
Unidade Básica de Saúde Céu Azul (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Jardim Universo (Maringá)

SELO PRATA
Unidade Básica de Saúde Rubens Antônio Baqueta (Floresta)
Unidade Básica de Saúde Dr. João Alcir Darcol (Santa Fé)

SELO BRONZE
Unidade de Atenção Primária Dr. Primo Monteschio (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Iguaçu (Maringá)
Unidade de Atenção Primária à Saúde de Iguatemi (Maringá)
Unidade de Atenção Primária à Saúde Internorte (Maringá)
Unidade de Atenção Primária à Saúde Mandacaru (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Morangueira (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Jardim Olímpico (Maringá)
Unidade de Atenção Primária à Saúde Piatã (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Quebec (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Tuiuti (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Vila Operária (Maringá)
Unidade Básica de Saúde Zona 6 (Maringá)

Congresso discute gestão e inovação na saúde

Nos dias 27 e 28 de novembro, Maringá sedia o 2º Congresso Internacional de Gestão e Inovação em Saúde (Conigis), destinado aos profissionais e empresários do segmento. O evento pretende oportunizar a troca de conhecimentos e informações, promovendo o desenvolvimento do setor na cidade e região.

O Conigis tem apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS) e o patrocínio da Organização Pan-Americana para a Saúde (Opas). Organizado para 350 pessoas, as vagas para os profissionais são limitadas e podem ser feitas diretamente no site do evento, o conigis.com.br.

A primeira edição do congresso aconteceu em novembro de 2015. Desde então, diversos eventos como cursos e capacitações foram promovidos pela comissão organizadora.

Elvio Saito, consultor do Sebrae/PR e gestor do Projeto Qualidade em Serviços de Saúde em Maringá e Região, diz que graças a estes eventos é que o setor se fortaleceu e hoje conta com a adesão de diversas entidades com os mesmos objetivos.

“A velocidade da realização de momentos assim é agora bem mais ágil, graças a toda esta articulação e engajamento do setor que está interessado em se desenvolver e se capacitar. Estes profissionais da saúde, que são gestores ao mesmo tempo, hoje sabem quanto os conhecimentos científicos, os de gestão e a implantação de ações inovadoras precisam estar alinhados”, explica.

Rosangela Danielides, do Instituto Maringá Pós, destaca que a relevância do evento se tornou mundial ao ponto de atrair o interesse do Ministério da Saúde, da Opas e OMS.

“Registramos a vinda de pacientes de outros estados, que viajam a Maringá em busca de tratamentos e procedimentos cirúrgicos. Esta busca pela excelência aliado a qualidade dos profissionais daqui tem colocado Maringá na rota das maiores referências nacionais em saúde e o Conigis é um dos maiores contribuidores destes resultados”, afirma.

Palestrantes

A programação do Conigis conta com a presença de profissionais renomados, como Carlos Alberto Pereira de Oliveira, integrante da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (Onu), que compartilhará sua experiência na área de saúde coletiva, com ênfase em gestão do trabalho.

Marco Antonio Ramírez Chávez, doutor em saúde pública e integrante da Opas e OMS, apresentará exemplos de sistemas de informação para tomada de decisões em recursos humanos em saúde e o funcionamento das redes públicas de saúde na América Latina.

Ana Paula de Campos Schiavone é diretora na Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde e falará sobre os processos de gestão e regulação de saúde

A profissional diz que a preocupação com a inovação e gestão do trabalho são essenciais para o desenvolvimento do setor da saúde. “Maringá presta atendimentos de qualidade e tem buscado se colocar cada vez mais como um ponto de excelência em saúde. O Conigis irá potencializar este trabalho”, ressalta.

Tem uma dica de notícia? Fez alguma foto legal? Registrou um flagrante em vídeo? Compartilhe com o Maringá Post, fale direto com o whats do nosso editor-chefe.