Ação é considerada ilegítima

O Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região extinguiu sem apreciar o mérito uma ação coletiva do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Londrina movida contra O Diário do Norte do Paraná.

O Sindijor entrou com uma ação coletiva contra O Diário em janeiro de 2018, pedindo o bloqueio e restrição de venda dos bens, pagamento de salários atrasados e encargos sociais, além de pagamento de danos morais a cada um dos funcionários e coletivo, para o próprio sindicato – além de vários outros pedidos.
Em outubro de 2018, em primeira instância, o juiz deu acolhimento parcial ao pedido, mas o jornal O Diário recorreu, alegando que o sindicato não teria legitimidade para representar os funcionários.
O TRT, por unanimidade, acompanhou o voto do desembargador Paulo Ricardo Pozzolo e consequentemente extinguiu o processo sem apreciar o mérito. Leia mais.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

Um pitaco em “Ação é considerada ilegítima

  1. E por que ainda não pagou os funcionários que já tiveram as ações na Justiça do Trabalho transitadas em julgado?

    Por que não cumpre a decisão da assembléia dos credores que há um ano aprovou a venda do prédio?

    Por que fica enrolando? Conte a verdade!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>