Audiência debate Contorno Sul

As reivindicações feitas pela comunidade para melhorias no Contorno Sul de Maringá serão debatidas em mais uma audiência pública. O evento será realizado na segunda-feira, 12, com início às 19h30, no Centro Esportivo do Jardim São Silvestre.

Além do debate em relação as demandas apresentadas pelos moradores dos bairros do entorno, que se associam ao projeto de recapeamento da avenida Prefeito Sincler Sambatti já licitada, representantes da Prefeitura de Maringá também estarão presentes para acolher os pedidos e apresentar uma proposta definitiva de revitalização do Contorno Sul.
De acordo com o Fórum Mobilidade, trata-se de três discussões distintas relacionadas ao Contorno Sul. A primeira é sobre os pedidos da comunidade para implementação de melhorias nos bairros do entorno, que devem anteceder o recapeamento proposto e licitado pelo Executivo para avenida Sincler Sambatti, já que sem atendimento a essas demandas, seria questão de pouco tempo para a necessidade de um novo recapeamento.
A segunda discussão é como se dará o recapeamento da avenida Sincler Sambatti; a terceira discussão refere-se a um projeto vultoso de revitalização do Contorno Sul, idealizado pelo Executivo, para ser implementado em anos.
Como os moradores dos bairros das adjacências pedem urgência no atendimento de suas reclamações, a expectativa do Fórum Mobilidade – comitê que organiza o movimento de reivindicação e é formado por representantes da APGT 5, Conselho Arquidiocesano de Leigos e Leigas de Maringá e Observatório das Metrópoles Núcleo UEM/Maringá -, é do prefeito Ulisses Maia assumir, na ocasião da audiência, o compromisso público de atendimento as reivindicações da comunidade.
A segunda audiência pública foi organizada em conjunto pelo Fórum Mobilidade e Prefeitura. Em 9 de julho desse ano foi realizada a primeira audiência pública, quando a administração apresentou um pré-projeto para a revitalização, que foi rejeitado pela população.
Em 25 de outubro, membros do Fórum Mobilidade, representando os moradores dos bairros do entorno de toda extensão da avenida, se reuniram com o prefeito e apresentaram uma série de reivindicações a serem incluídas no projeto de recapeamento, entre as quais: execução de recapeamento; melhoraria na sinalização com semáforos para pedestres de três tempos; melhoraria na iluminação pública; inserção de faixas de pedestres (preferencialmente elevadas); acostamentos; regularização de calçadas com fiscalização e demarcação dos limites dos terrenos; galerias pluviais; redução da velocidade máxima e colocação de radares; ciclovias; construção de canteiro central; e abertura de ruas de acesso ao Contorno Sul nos bairros Jardins Araucária, Porto Seguro, Europa e Céu Azul, além de retornos para entrar nos bairros.
Em 31 de outubro (foto), representantes do Conselho de Leigos da Arquidiocese de Maringá, lideranças das paróquias próximas ao Contorno Sul, pesquisadores do Observatório das Metrópoles Núcleo UEM/Maringá, membros da Comissão de Representação do Fórum Mobilidade, estiveram com o prefeito e secretários municipais em uma visita técnica na avenida Prefeito Sincler Sambatti (Contorno Sul).
(Foto: Observatório das Metrópoles Núcleo UEM/Maringá)

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

5 pitacos em “Audiência debate Contorno Sul

  1. Eu só debate CADE a pratica : para quer viabilize;.. bom só mato crescendo na cidade.
    Nada acontecendo que decepção em ter votado nesse cara… induz muita gente a votar nele mas hoje nem posso andar no bairro… que judiação ele só queria ser o prefeito mas nada realizou o sonho que tinha de criança: Iguatemi te espera viu o troco que demos no seu irmão,e agora vamos dar em você… faixa fachada… grama jardim e mato… buraco asfalto lama… sujeira lixo na cidade… Quem poderá nos socorrer Chapolin Colorado.

  2. Na minha opinião, a atual administração municipal consegue ser pior que a anterior, tudo é demorado e enrolado, e quando faz algo não é bem feito. Essa semana mesmo fizeram recape asfáltico na vila 7, e na Rua Floriano Peixoto só fizeram a pintura da sinalização, mesmo a rua estando cheio de buracos e ondulações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>