Votação

A votação da deputada estadual Maria Victória (PP) na eleição deste ano confirma que ela deixou de ser uma política ligada à região de Maringá depois que disputou a Prefeitura de Curitiba, em 2016.

Embora tenha aumentado sua votação, em função da disputa municipal na capital, seus votos diminuíram na maioria das cidades da Amusep. Em Sarandi, ela passou de segunda mais votada em 2014 (5.297 votos) para 9ª (1.244); em São Jorge do Ivaí, terra do secretário de Fazenda José Luiz Bovo, foi de quarta mais votada (325 votos) para sétima (124); em Floresta, cidade do presidente da Fundepar, José Roberto Ruiz, passou de terceira mais votada (433) para sexta (157 votos); em Munhoz de Mello, terra do ex-secretário Gilmar, foi de quarta (120) para 22ª colocação (14 votos).
Assim como Curitiba, porém, onde passou de 4.315 votos (30ª mais votada) em 2014 para 10.178 (19ª), em Mandaguari, cidade do ex-secretário Cileninho, ela subiu de 54 votos (20ª mais votada) para 278 votos (13ª).

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

5 pitacos em “Votação

  1. E Evandro Junior como explicará seu fracasso incompetência de seus assessores, ou por acreditar no Beto Richa votando tudo que ele pedia na assembléia Legislativa mesmo que viesse contra os que o elegeram, mais uma coisa tem que ser dita como pessoa é um bom rapaz, faltou a ele ser independente, mesmo sendo da base de um péssimo governo, quem o diga seu colega Evandro Araujo.

  2. Desculpe, ela nunca foi das nossas Zonas.
    Residenciais.
    É por isso que lançou seu nome em Curitiba para limpar a barra, mas o casamento de novo rico provou que Curitba não a aprovou.
    É assim.
    Vai perder votos e minguar como a mãe e o pai.
    Uma jeca morando na capitár.

  3. Que va de mala e cuia!!!!!
    Leva a mae, pai, tio os cabo eleitoral, os puxa saco……e simpatizantes
    Nao faz falta nenhuma.
    O unico que salva é o seu avô….
    Fica falando que fez isso fez aquilo… é paga para isso….
    Vo pedir aumento para o patrão, pois ao contrário dela vo trabalhar todo dia….

  4. Esta deputada deveria esquecer Maringá, ja teve respostas nas urnas em Maringá, Sarandi, Paiçandu ou seja em toda a Amusep, aqui ela não é bem vinda suma daqui faz campanha em Curitiba, voce não gosta de nós e nós não gostamos de voce.9povo que não sabe a hora de se afastat da,politica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>