Vereadores aprovam CPI

A Câmara Municipal de Maringá aprovou na sessão de hoje o funcionamento de uma Comissão Parlamentar de Inquérito sobre o transporte coletivo da cidade. Na ocasião, foram definidos como membros os vereadores Alex Chaves (PHS), Chico Caiana (PTB), Sidnei Telles (PSD), Carlos Mariucci (PT) e Jean Marques (PV).

A primeira reunião da equipe para instalação oficial da CPI com a escolha do presidente, relator e membros deverá acontecer até sexta-feira. A partir daí serão contados 90 dias para sua conclusão com possibilidade de prorrogação por, no máximo, 45 dias.
A CPI deverá analisar: 1 – as atuais condições econômicas da empresa Transporte Coletivo Cidade Canção (TCCC); 2 – o procedimento licitatório, incluindo a composição tarifária inicial, por meio do qual foi concedido o serviço de transporte coletivo à empresa concessionária; 3- cláusulas do contrato firmado entre o município e a empresa concessionária do serviço; 4 – composição do valor tarifário e sua relação ao equilíbrio contratual, considerando os eventuais investimentos da empresa; 5 – a existência efetiva de razões para uma ruptura do contrato firmado entre as partes em questão.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “Vereadores aprovam CPI

  1. Lamentável…..A TCCC está aí a 50 anos e vai continuar mais uns 50, todos os anos é a mesma ladainha, pelo que dizem, o grupo da TCCC comando o transporte coletivo em Maringá, Foz do Iguaçu, Apucarana, Presidente Prudente SP, Campinas SP, Campo Grande – MS, Brasilia DF e ainda é dono de uma companhia aérea (condições econômicas????????), tudo o que é cobrado em matéria de transporte publico é cumprido pelo grupo (Só não baixa a tarifa), agora vem falar em criar CPI. É perder tempo, ou seja, o tempo dirá.

  2. Antonio Conselheiro diz:

    Perda de tempo: basta os vereadores lerem o relatório da CPI que já teve, elaborado pelo Humberto Henrique.
    Esta Câmara é tão ruim, que ficam tentando requentar discussões. Quero ver como os nobres vereadores vão dar conta de analisar a parte técnica do contrato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>