PM não recolhe CNH cassada

A equipe de trânsito da Polícia Militar de Maringá não está mais apreendendo carteira de habilitação de motorista que esteja com a CNH cassada.


Foi o que aconteceu num episódio ontem à tarde, em que uma consultora empresarial, palestrante e proprietária de pizzaria, que não teria respeitado a preferencial e envolveu-se em acidente com motociclista, que perdeu um dos dedos (leia mais), no cruzamento das avenidas João Paulino Vieira Filho e São Paulo. No mesmo local, há alguns dias, aconteceu um acidente entre um automóvel e uma motocicleta, e que causou a morte do motociclista.
De acordo com o sistema utilizado pela polícia, a motorista está com a CNH cassada e a fiscalização deveria recolher o documento, como estabelece a legislação, o que não aconteceu. A motorista, que teria parentesco com um agente de trânsito da Semob, que compareceu ao local, também não foi levada para a delegacia ou para o 4º Batalhão para a realização de termo circunstanciado.
PS – A motorista teve a CNH cassada por dois anos, em 2014, e deveria ter feito todo o processo para tirar uma outra. Até maio passado ela não havia entregado a carteira. Mesmo com o acidente que provocou lesão corporal, com perda de membro, ocorrido mais de quatro anos depois da cassação, ela continuou de posse da CNH apesar de o sistema determinar o recolhimento. De 2009 a 2017 ela cometeu pelo menos 23 infrações de trânsito, que geraram multas.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

6 pitacos em “PM não recolhe CNH cassada

  1. Tem que ver se os agentes aplicaram a multa de ontem, pois se ela causou o acidente ela descumpriu normas e deveria também ser multada.

    Caso não foi, cabe apuração por parte da conduta dos policiais militares e dos agentes de transito, pois isso pode se configurar inclusive crime.

  2. E quais as sanções serão aplicadas aos PM envolvidos na ocorrência?

    Uma duvida, quais as atuais atribuições da Policia Militar? Eles não atendem mais transito, Lei Maria da Penha, ocorrências de transito. E a violência na cidade só aumenta!!

  3. A legislação brasileira está uma bagunça. Motorista cassado dirigindo, carros em mal estado de conservação nas ruas, motoristas mal preparados causando acidentes e se evadindo do local

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>