Haverá vagas para todos?

Leitor indignado com recente nomeação de pessoa sem qualificação para o cargo, desnecessário, por sua vez, escreveu: vergonhoso para quem nomeia e para quem é nomeado.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

5 pitacos em “Haverá vagas para todos?

  1. A quem interessar possa…!

    QUEM TE AVISA, AMIGO É.
    (Provérbio Português)

    “Se uma pessoa lhe enganar ela merece uma surra; se esta mesma pessoa voltar a lhe enganar, quem merece a surra é você.”
    (Provérbio Chinês)

    APARECIDO BAPTISTA (cidadão maringaense ‘ficha limpa’, desde criança, e servidor público municipal de Maringá durante aproximadamente 40 – quarenta – anos, hoje aposentado e com as ‘mãos limpas’ graças a Deus)

  2. A questão de nomeação para cargo comissionado no serviço público sem a devida qualificação não é uma exceção, mas infelizmente uma regra, cuja regra não é exclusividade do terceiro escalão, mas também do primeiro e segundo escalão do governo municipal, vez que a simples atuação do sujeito na campanha do Prefeito ou na simples entrega de santinhos o tem habilitado para tal, como servidor efetivo com a experiência de algumas décadas no quadro da municipalidade, nas quais sempre busquei exercer as atividades públicas de forma a cada vez melhor atender a nossa comunidade, observo com preocupação o futuro da atuação de servidores comprometidos diante da falta de comprometimento de tais cargos comissionados.

  3. Senhor Prefeito.

    Votei em Vossa Excelência inclusive em razão de sua proposta de zerar as vagas para a espera m fila de creche, tendo a autoridade ressaltado que se preciso fosse contrataria vagas de creches particulares. Passado um ano e seis meses de seu mandato, o qual se mostra bastante tímido em face do que foi propagado, observo decisão judicial determinando que tal fila seja zerada em determinado espaço de tempo, (acredito que o Juízo tenha se lembrado de vossa promessa em campanha). Mas o que me cama a atenção é entrevista de seu Chefe de Gabinete que afirma a impossibilidade de cumprir tal decisão (3700 vagas), visto que não há creches suficientes para tal e que na inciativa privada só ha 600 vagas. Assim lhe pergunto. Como pode o senhor fazer a proposta de campanha (zerar filas das creches nem que ser para contratar creches particulares) se não havia vagas suficientes para tal?. Ou senhor fez uma proposta sem planejamento (levantar quanto a possibilidade de atendimento da questão ou foi de má fé visando ganhar votos nas eleições? me responda.

  4. …e por falar em nomeação… o que a mulher do jornalista falido, escritora de coluna social das madames vai fazer na secretaria de justiça e trabalho, já que de trabalho ela não entende nada.?
    o marido falido vai aproveitar a boquinha pra pagar os funcionários que ele deu os canos??/

    – O MAIOR CABIDE DE CARGOS COMISSIONADOS DESNECESSÁRIOS E DESPREPARADOS ESTÁ NO PALÁCIO DAS ARAUCÁRIAS TODOS TRABALHANDO COMO CABOS ELEITORAIS DOS BARROS E VOCÊ CONTRIBUINTE PAGANDO O PREÇO.

    VOTE 11 E CONTINUE TOMANDO NO CU
    – PELO FIM DA PERPETUAÇÃO DAS FAMÍLIAS NA POLÍTICA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>