Campanha cidadã

A campanha cidadã, em Itambé, pelo direito de decidir livremente pelo não recebimento de lixo de fora do município, continua. Lembre-se que o atual prefeito, Vitão e seu vice, prometeram em campanha que a cidade não receberia lixo de outros municípios, mas concederam alvará para o início das obras, mesmo contra recomendação do Ministério Público do Paraná.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

6 pitacos em “Campanha cidadã

  1. “Decidir livremente pelo não recebimento”?
    Tá de sacanagem né?! Kkkkk o povo contrário toma atitudes desesperadas, não aceitam argumentos favoráveis (contrários aos deles), insultam, provocam, menosprezam.. teve até caso recente de uma mulher usar o microfone da igreja matriz, após uma missa de domingo, para estimular a comunidade à guerras contra essa instalação de aterro. Paralisam ruas para adesivar carros com o adesivo mais ridículo que já vi “lixo de fora não”, e, aaaai de quem não aceita que cole em seu carro. É escumungado por quem tá lá de testa de ferro de agricultor que se acha dono da cidade. A última desse povo contrário, foi nessa sexta feira, em um velório de um senhor, cujo esposa e filho, saem semeando discórdia pela cidade, criando o máximo de inimizade possível, quando a família resolveu colar adesivos no caixao do defunto. E adivinha qual adesivo? Esse mesmo! “Lixo de fora não”. Até pra enterrar o finado, filho e esposa fizeram do coitado um chacota, pra tentarem se promover, e criar discórdia na cidade.
    E pasmem! A obra da instalação da empresa está a todo vapor, e esse povo nessa labuta em vão. Eu recomendaria, junto com o enterro desses adesivos no caixao, que enterrassem a ideia tosca de tentar barrar o empreendimento. Tá mais do que claro que a empresa vai atuar fortemente no município e região!
    “Decidir livremente sobre o não recebimento”? Oi?

    • Chorem cambada o choro é livre!!!!!!!
      Verdade um dos autores de ofensas as autoridades da cidade chamado DANIEL vulgo DANIEL MACONHA, adesivou todo o caixão do pai falecido ontem, que foi um ex militar, de Lixo de Fora não, acreditem a mae é professora, com o aval dela isso mesmo, caixão adesivado com Lixo de Fora Não,o povo esta indignado pela falta de respeito, nunca assistiram uma alopração a olho nú, o cara e a mãe estão loucos,Mas segundo informações a justiça ja esta de olho nele por ter passado a familia de um tio falecido pra traz, surrupiando toda a herança pra ele e pra mãe, e construindo hotel de lazer em Santa catarina.

      • Sobre este hotel que você diz no final, não tem nada de lazer. Segundo informações, não passa de um “mukifo”, mal cuidado, onde se concentra alguns usuária de drogas numa espécie de “sarau” e, por ali passam a noite. Podem notar que, o tal hotel não tem foto nas redes sociais, não tem um site pra quem qusier visitar e conhecer as Dependências. Kkkkkkk
        Esse Daniel Chicrala sempre folgou na cidade, escorado na pouca moral que o pai dele ainda tinha com militares (não local), por ter sido do exército. E AGORA, DANIEL? QUEM PODERÁ TE DEFENDER?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>