Não há provas…

cristo

… e as provas são robustas. Estas duas frases foram das mais ouvidas nas últimas horas. Pensei, pensei e como não sou de ficar em cima do muro, vou comentá-las numa situação, que considero importante para nossas vidas. Para os ateus, não há provas materiais da existência de Deus. Nenhuma foto, vídeo, entrevista, nada, para eles, indica que Ele exista. Já para os mais religiosos, e os nem tanto, as provas são robustas.

Alguns até se arvoram em procuradores dele para receber uma espécie de imposto (o dízimo) e outras contribuições, naturalmente ficando com o pró-labore.
Os espíritas encontram no Livro dos Espíritos, elaborado por Alan Kardec, com respostas de Espíritos, através médiuns.
Reproduzo algumas perguntas:

4. Onde podemos encontrar a prova da existência de Deus?
— Num axioma que aplicais às vossas ciências: não há efeito sem causa. Procurai a causa de tudo o que não é obra do homem e vossa razão vos responderá.
Comentário de Kardec: Para crer em Deus é suficiente lançar os olhos às obras da criação. O universo existe; ele tem, portanto, uma causa. Duvidar da existência de Deus seria negar que todo efeito tem uma causa, e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa.

5. Que consequência podemos tirar do sentimento intuitivo, que todos os homens trazem consigo, da existência de Deus?
— Que Deus existe; pois de onde lhes virá esse sentimento, se ele não se apoiasse em nada? E uma conseqüência do princípio de que não há efeito sem causa.

6. O sentimento íntimo da existência de Deus, que trazemos conosco, não seria o efeito da educação e o produto de idéias adquiridas?
— Se assim fosse, por que os vossos selvagens também teriam esse sentimento ?
Comentário de Kardec: Se o sentimento da existência de um ser supremo não fosse mais que o produto de um ensinamento, não seria universal e nem existiria, como as noções cientificas. senão entre os que tivessem podido receber esse ensinamento.

PS: Para os que pensavam que comentaria a primeira condenação de Lula, desculpem, neste caso ficarei em cima do muro. Tenho minha opinião mas prefiro não externá-la.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Um pitaco em “Não há provas…

  1. Podemos explicar a existência de DEUS em poucas palavras, sabemos que há uma dualidade absoluta na terra entre o bem e o mal, isso se explica quando, vemos que o mal se opõe ao bem, que a justiça a injustiça, que o amor se opõe ao ódio, e que DEUS se opõe ao mal, claro que DEUS e o diabo estão a milhares de anos a frente do se humano, não sabemos se esta a dez mil anos ou cem mil anos a nossa frente, basta olharmos o nosso passado e presente, o que erramos e o que somos, tanto no conhecimento, físico, cientifico, tecnologico, dai podemos começar a entender DEUS, ou basta apenas olhar pro céu e ver que só.os um pontinho brilhante neste imenso universo, se negarmos a existência de seres em outros planetas, passamos até a negar. a nossa existência, se ha. vida aqui por que não em outro lugar, outras terras e outros céus como diz o criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>