“As paredes não consultam”

Inauguração-UM

“As paredes não consultam. Estamos provando que faltava gestão e o problema não era recurso. Graças à competência de nosso secretário de Saúde praticamente zeramos a fila de consultas especializadas e otimizamos os serviços do Hospital Municipal”, afirmou na manhã de hoje o prefeito Ulisses Maia, ao entregar a reforma e ampliação da UBS Tuiuti.

A reforma de 597 m² e ampliação de 190 m² da unidade custaram R$ 1,5 milhão de recursos federais. A obra resultou em mais espaço para os agentes de saúde comunitários e a clínica de odontologia e instalação de clínica de fisioterapia.
Entre os presentes estavam os vereadores Mário Verri, Carlos Mariucci e Jean Marques, os secretários de Saúde, Jair Biatto, e de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Francisco Favoto, o superintendente do Hospital Universitário (HM), Maurício Chaves, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, José Osvaldo Vieira, e a diretora da UBS Tuiuti, Mariana Belincanta. (Foto: Vivian Silva)

Angelo Rigon


12 pitacos em ““As paredes não consultam”

  1. Mais uma obra inaugurada e iniciada na gestão passada….até agora nenhuma obra licitada…o que a Semop está fazendo a nao ser criticas da gestão anterior?
    Secretario atual nao tem noção do que é uma gestão publica….mas daqui 4 anos deve aprender…se tiver competência…claro.

    • “Não seja vingativo; confie em Deus, o Senhor e Ele fará justiça a você.” (Provérbios 20:22) Reflexão: Queridos irmãos nesse versículo o Senhor condena qualquer tipo de vingança, pois esse sentimento é impróprio ao cristão. Muitas vezes as pessoas guardam ódio, raiva, rancor, ira, mágoa e desespero, com isso endurece o coração e se afastam de Deus e da sua lei.

  2. Aquele de cabelos grisalhos, que está na porta de entrada à esquerda da foto, atrás do careca que está em primeiro plano, sou eu. Ocorre que estava de passagem pelo local, fazendo caminhada por aquelas bandas (quero parar no ultrassom e no psa, livrar-me daquele ‘benedito’ exame) e aproximei-me para ouvir o pronunciamento de nosso prefeito Ulisses Maia.
    Por falar em pronunciamento, historicamente, toda denominação de cidades tem relação a alguma coisa, como é o caso de Maringá, que adveio de uma canção da autoria de Joubert de Carvalho muito cantada na época de sua fundação.
    Por falarmos em ‘pronunciamento’ (discurso), deve ser piada inventada, dizem que o nome de uma cidade originou-se por ocasião da inauguração da caixa d’água central da rede de abastecimento. O alcaide, havendo sido confirmada a presença de um deputado para o ato inaugural e tendo ciência de que seu ‘discurso’ costumava de prolixo, às vezes durava mais de hora, ordenou ao zelador que, se o dito cujo começasse a prolongar-se, abrisse o registro de água para esfriar-lhe o ânimo. O deputado começou a falar e não parava mais, e o prefeito, incomodado com o zelador que não abria o registro, olhou para cima e determinou ao mesmo o seguinte: “manda água Ari”…!
    Brincadeira à parte, meus encômios e panegíricos ao prefeito Ulisses Maia, mormente por reiterar que só fará o bem para todos os maringaenses, isto é, não somente aos 182.000 que votaram nele mas sim a toda a gente de Maringá.
    Apesar de não fazer parte de seu seleto círculo de amizades, e por analogia não ser pessoa de sua confiança, em 2016, depositei meu ‘voto de confiança’ nele no primeiro e no segundo turnos, por acreditar que se constituiria na ‘mudança verdadeira’, e até o momento estou satisfeito com o trabalho que desenvolve visando a um futuro promissor para toda a gente de Maringá.

    APARECIDO BAPTISTA (cidadão maringaense ‘ficha limpa’ desde criança e pagador de impostos)

    • PS: Apesar de que ninguém contestou o fato de eu haver mencionado que o prefeito Ulisses Maia obteve 182.000 votos, entendo importante dizer que na realidade foram 118.000 votos válidos para ele. Acontece que somando-se os votos nulos e brancos e dos eleitores que se abstiveram de votar, o cálculo aproximado é aquele mencionado. Vai daí a importância do voto consciente, pois aqueles que não votam, votam nulo ou votam em branco, acabam por votar no vencedor das eleições.

  3. Gostaria que o secretário de saúde fizesse uma visita a UBS Paraíso e verificasse a falta de funcionário para o agendamento de consultas especializadas, pois há quase dois meses quem faz esse trabalho é um funcionário emprestado de outra UBS. Isso faz com que os horários para agendamento sejam absurdos, a pessoa tem que chegar antes das sete, ficar em uma fila onde somente 18 senhas são entregues por dia, tem que deixar o nome em uma lista e somente as 8 é que as senhas são distribuídas, sendo que até as 10 ainda tem gente que não foi atendida, um absurdo quando comparamos quando era antes com atendimento de manhã e a tarde… Outra coisa, não tem segurança, já foi arrombado 2 vezes nos últimos meses, e quando chove não tem como as pessoas na fila se esconderem pois o portão só abre as 7… Ah, e com relação as consultas especializadas, minha mãe espera há quase 3 meses por uma endoscopia…

    • MARCELO DA SAUDE diz:

      PERGUNTE PARA ULISSES MAIA E SEU SECRETARIO DE SAUDE POR QUE AS ENFERMEIRAS CCS CONTINUAM AS MESMAS DE 12 ANOS ATRAS NO COMANDO DA ATENCAO PRIMARIA ( POSTINHOS ) ????
      PERGUNTE A ELES ANGELO RIGON ????

  4. MARCELO DA SAUDE diz:

    ENQUANTO ISSO AS UBS ( POSTINHOS ) FALTAM MEDICOS CLINICOS GERAIS . FALTA PEDIATRA. E OS POUCOS MEDICOS QUE TEM ESTAO SOBRECARREGADOS . ISSO ELES NAO FALAM !!!!! QUE O SECRETARIO DE SAUDE NAO ENTENDE NADA DE ATENCAO PRIMARIA ( POSTINHOS ) E DEIXA TUDO NA MAO DAS ENFERMEIRAS CONCURSADAS CCS .
    ENFERMEIRAS ESSAS QUE SAO AS MESMAS DOS 8 ANOS DE SILVIO BARROS E 4 ANOS DE PUPIN ( FIGURANTE ) .OU SEJA AS MESMAS ENFERMEIRAS CCS QUE VOTARAM NO 11 E CHEGARAM A POSTAR FOTOS NO FACEBOOK PEDINDO VOTO NO 11 . ESTAO LA , DIRETORA GERAL DAS UBS , DIRETORA ATENCAO A SAUDE PRIMARIA , PROMACAO A SAUDE . SAO AS MESMAS ENFERMEIRAS CCS .
    COITADO DE QUEM PRECISAR DOS POSTINHOS !!!!

  5. A atual administração MAIA/BARROS esta pecando em não chamar a LAVA BARRO.
    Desde fevereiro a equipe 13 PSF da UBS Alvorada 1, não tem enfermeira(o);
    Desde março a equipe 15 do PSF da UBS Alvorada 1, não tem médico(a);
    O médico Dr. Jamal, não cumpre horário.

    Se isto for gestão, imagine o que era antes?

    Isto é apenas um dos muitos exemplos na área de saúde.
    Aguardem, que logo vem mais!

    Cadê os vereadores que deveriam fiscalizar.

    Vergonha!

    NILSON LAVA BARRO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>