Vereadores de Barbosa não querem prestar contas das diárias

camara barbosa

O site da Câmara de Barbosa Ferraz está desatualizado, não traz sequer a pauta do dia nem gravação das sessões.
Mas, segundo o blog de Celso Lima, uma manobra levou à revogação, em primeira discussão, da lei que determina que os vereadores que usem diárias para viajar devem prestar contas de como e onde gastaram o dinheiro público.

Aprovada no ano passado, a lei objetivava moralizar o uso de diárias, que chegou a ser alvo de ação do Ministério Público.
A revolta na cidade é grande e começa a existir um chamamento para que os barbosenses preocupados com o dinheiro de seus impostos impeçam a volta da farra das diárias, lotando a câmara municipal na próxima segunda-feira, quando acontece a segunda votação do projeto.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “Vereadores de Barbosa não querem prestar contas das diárias

  1. Atenção GLOBO, SBT, RECORD

    Ano passado quase todos os vereadores de Barbosa foram processados e condenados na justiça.
    Agora eles voltam com força total com essa sacanagem contra o povo???????

    Onde está a TV Cultura que não mostrando na região???
    E as redes Record e SBT?
    Algo precisa ser feito contra esses “vereadores”
    Inimigos do povo.
    Se aprovar essa barbaridade em Barbosa Ferraz todas as câmaras municipais seguirão este péssimo exemplo.

  2. SEGUIRÃO O EXEMPLO COMO: A MAIORIA DOS PREFEITOS E VEREADORES RECEBEM DIÁRIAS E NÃO PRESTAM CONTA. NÃO SEI QUANTO É A DIÁRIA EM BARBOSA FERRAZ MAS CONHEÇO MUNICÍPIOS PELO PORTAL DAS TRANSPARÊNCIA ONDE PREFEITO RECEBE ATÉ R$ 680,00 PARA DIRIGIR-SE ATÉ CURITIBA SEM DETERMINAR O TRABALHO QUE FOI EXECUTADO. OUTRO DETALHE SAI COM O TANQUE CHEIO E VOLTA NO MESMO DIA. O CORRETO É TER UMA LEI QUE DEVA APRESENTAR NOTAS E ACABAR COM ESTA FARRA. HOJE É FÁCIL RECEBER R$ 2.000,00 OU R$ 3.000,00 IR PASSEAR EM SÃO PAULO E DIZER QUE FOI À CURITIBA.NÃO PRECISA COMPROVAR NADA. SÓ QUE EXISTE UM DETALHE NÃO OBSERVADO POR ELES NA LEGISLAÇÃO FEDERAL. TODAS AS DIÁRIAS LANÇADAS NO I RENDA PODERÃO SER SOLICITADAS PELA RECEITA FEDERAL. JÁ ESTÁ NA HORA DA RECEITA COMEÇAR A NOTIFICÁ-LOS. VAI SER UM PERERECO. QUERO VER COMO OS NOBRES EDIS VÃO COMPROVAR. SE NÃO COMPROVAR JÁ SABEM O QUE PODE ACONTECER. OU NÃO?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>