Seria ele?

Geraldinho

Falamos do mais recente nomeado para o cargo de assessor III, na Sesan, que foi candidato pelo PRTB, a vereador, nas últimas eleições e teve 170 votos. Vejam aqui.
Se for, e seja quem for, é caso de desvio de recursos públicos para pagamento de uma pessoa que não trabalhará dentro das atribuições legais. Isto é um tapa na cara do contribuinte, ou melhor, é assalto mesmo.

A administração Pupin/Barros, perdeu o senso de vergonha. Desafio a equipe de transição de Ulisses Maia, o MP, os vereadores da Câmara atual e os eleitos, a verificarem, in loco, o que estamos afirmando. Não há assessoria a prestar. Não só ele, mas todos os demais, se estão trabalhando, estão em desvio de função.
Estou enviando cópia desta postagem para o MP, para vereadores. Pelo amor de Deus, isto não pode acontecer. E é só uma gota no oceano, do mar de lama, corrupção e desvio de recursos que assola Maringá e o Brasil.
Que na futura administração isto acabe, prezado Ulisses Maia, prefeito eleito.
Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

6 pitacos em “Seria ele?

  1. Hahahaha Que conhecer uma pessoa a ele. Ulisses acaba com desvio. Só ele apresentando saldo atual hj é no que está gastando diariamente . Ele vai mostra l?
    Só acredito vendo.

  2. Conforme diria o saudoso Said Ferreira, prefeito de Maringá por duas gestões: “Não se pode exigir dignidade de quem não tem”…!

    APARECIDO BAPTISTA (Cidadão maringaense ‘ficha limpa’ e pagador de impostos)

  3. O pior é o concurseiro que estudou para caramba, se dedicou, passou em um processo seletivo de altíssima concorrência, ficou o ano todo sem ser nomeado e quando começam a nomear, fazem com DESVIO DE FINALIDADE (objetivo real não era a necessidade pública e sim prejudicar o futuro prefeito Ulisses). Aí as nomeações são suspensas, e os candidatos aprovados que querem trabalhar tem que esperar. Enquanto isso, o atual prefeito fica nomeando CCs jogando o dinheiro público no lixo. Isso é rídiculo!!

  4. Prof. Luiz Gonzaga diz:

    Espero ou esperamos, que nós eleitores não esqueçamos dessas maracutaias nas próximas eleições. Do mais, se o Congresso Nacional consolidar a lei de apoio ao ilícito, indo contra as medidas contra a corrupção e o foro privilégiado, aí, o Brasil a população Brasileira sacramentará de vez as poucas esperanças de um País melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>