Continuam furtos em escolas e postos de saúde de Maringá

Os próprios públicos em Maringá continuam sendo alvo de ladrões.
Agora, furtaram os computadores do posto de saúde do Parque Tarumã, na zona sul da cidade.

O blog soube que pelo menos três escolas municipais foram furtadas nos últimos dias, isso apesar de o prefeito ter gastado um monte de dinheiro com a licitação do monitoramento do sistema de alarme. No ano passado, lembram?, um guarda municipal cobrou do prefeito a razão da terceirização, já que o serviço continua sendo feito pela Guarda Municipal.
Está na hora de alguém fazer alguma coisa. Ou explicar por que realizaram a licitação, que, corre nos bastidores, não resistiria a uma investigação do Ministério Público Estadual.

Angelo Rigon


8 pitacos em “Continuam furtos em escolas e postos de saúde de Maringá

  1. esses equipamentos estão sendo vendidos por mixaria nas bocas do Odwaldo bueno netto aqui vendem bicicletas de luxo por 30 reais, vendem not por 50 reais, alô autoridades socorro o povo de bem aqui do bairro pede socorro!!!

  2. E por esta e outras que o estado esta falido………………. considerado pequeno delito da nisto, só termo circunstanciado na presença do “doto” ……….se fosse preso e pagar em espécie $$ ou trabalho forçado queria ver…..

  3. Essa região do Odwaldo Bueno tá brabo o negócio por ali antigamente essa região da cidade não era assim não mais de uns tempos pra cá a coisa desandou de vez essa molecada anda aprontando demais.

  4. Sinto muito em escrever isto, mas não seria prioridade da guarda municpial e prioridade da mesma em vigiar os próprios públicos ao invês de ficar brincando de pulicia.

  5. malditos politicos diz:

    Isso é só a ponta do iceberg.
    Quer algo mais frustante que “funcionários” praticando delitos. (Comida,material de limpeza… Etc )de alguns estabelecimentos de atendimento ao público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>