‘Rei do Algodão’ assina TAC por degradação em fazenda

José Pupin
Do MidiaNews, de Cuiabá (MT):
Conhecido pela alcunha de “Rei do Algodão”, o empresário José Pupin acaba de assinar um Termo de Ajustamento de Conduta com a Sema (Secretaria de Estado de Meio Ambiente). O TAC, de nº 11387/2014, tem por objetivo a regularização da situação ambiental da Fazenda GMB II, no município de Paranatinga, “para que sejam adotadas medidas visando cessar, adaptar, recompor, corrigir ou minimizar os efeitos da degradação ambiental”. Caso a situação não seja regularizada, conforme o compromisso, Pupin poderá receber multa ambiental de R$ 5.000,00 por hectare de área de preservação permanente degradada.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

3 pitacos em “‘Rei do Algodão’ assina TAC por degradação em fazenda

  1. O senhor José Pupin a fazenda é de Cuiabá onde dá empregos para milhares de funcionários e suas famílias e isso conseguiu com seu trabalho honesto.
    Vocês não tem mesmo oque fazer para atingir o Prefeito Roberto Pupin , porque não vão atrás da fazenda monstruosa com uma mancão que o Filho do Lula tem, sendo que antes não tinha nada, era um zero a esquerda.

    • O blog acompanha todas as notícias referentes ao rei do algodão, que possui parentes em Maringá e muitos conhecidos na região, com quem, aliás, tem negócios. Sem contar o caso da ALL, em relação ao qual o blog aguarda o PT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>