Protestos na Turquia

Turquia
Sobre os protestos que acontecem na Turquia, onde se encontra, Edmundo Albuquerque comenta com exclusividade para o blog:
As razões são várias. O governo quer transformar uma praça em shopping, restringir o uso de álcool no país que, apesar de muçulmano, é flexível, e tolher a liberdade de expressão. O fato é que mais de 1 milhão de pessoas, principalmente os jovens, se concentraram nas imediações da casa do primeiro ministro para protestar. Houve confrontos violentos e casualmente passávamos ontem (domingo) no centro das manifestações. Parecia uma final da Copa do Mundo, com milhares de bandeiras e palavras de ordem. Fomos, felizmente, saudados com entusiasmo por seremos estrangeiros. Foi um dia histórico na Turquia. Como jornalista, fiquei gratificado por estar lá no “olho do furacão”.

Angelo Rigon


2 pitacos em “Protestos na Turquia

  1. O país não é laico? Porque li na imprensa que uma das razões mais fortes para o descontentamento da população é que o governo, lentamente, está impondo medidas religiosas, e o povo defende o Estado Laico.

  2. E aqui os políticos fazem o que querem: Filho de ex-presidente multi milionário; políticos condenados em pleno exercício do mandato; contorno norte nunca acaba.
    E o povo?? Cordeiros ordeiros. Manifestantes do facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>