Engolindo a seco

Vereadores da mesa executiva da Câmara de Maringá reuniram hoje os servidores do Legislativo. O presidente Ulisses Maia (PP) foi enfático ao informar a determinação na apuração de todas as denúncias de irregularidades na concessão de horas extras, funções gratificadas e gratificações por participação em comissões. Foi lembrado à turma que outros presidentes da casa foram processados pelo Ministério Público e que a atual mesa não tem intenção de esconder nada que seja irregular.  Alguns servidores não esconderam a decepção com a notícia.

Angelo Rigon

Jornalista em Maringá. Começou em jornal aos 14 anos, foi editor-chefe dos três jornais diários de Maringá. Pioneiro em blog político, repórter e apresentador de programa de televisão, apresentador de programa político nas rádios Jornal, Difusora e Banda 1, comentarista das rádios Metropolitana e Guairacá, editor de diversos jornais e revistas, como Umuarama Ilustrado, Correio da Cidade, Expresso Paraná, Maringá M9 e Página 9. Atualmente integra o cast da Jovem Pan Maringá.

12 pitacos em “Engolindo a seco

  1. Ninguém fala nada??? diz:

    Como pode servidor ocupante de cargo em comissão, expressamente dispensado do registro de ponto por portaria, como no caso da Poderosa, receber gratificação por encargo especial, horas extras, jeton ???
    E receber encargo especial, no valor de 50% dos vencimentos, inclusive nos meses em que não foram prestadas quaisquer atividades???
    Como ficam os princípios constitucionais da moralidade e da economicidade administrativa???
    Como ficam as Resoluções do Tribunal de Contas????
    Por que manter funcionário da área legislativa ocupando cargo da área administrativa, se existem funcionários concursados para esse fim???
    Isso não seria desvio de função, Doutor Cruz???
    O pagamento com valores diferenciados de uma mesma gratificação pelo exercício de encargos é constitucional, Dr. Cruz????
    Como fica a exigência constitucional de lei para a fixação de qualquer vantagem pecuniária, quando o Presidente ou o Prefeito estabelecem gratificações pelo exercício de encargos especiais em percentuais, Dr. Cruz???
    Como podem os membros de uma Comissão de Licitação que tem atividades em um ou dois durante o ano receber gratificação de 50% dos vencimentos durante 12 meses, continuamente, Dr. Cruz?
    E o pessoal do Pregão, que tem atividades durante 7 meses e também recebe 50% dos vencimentos durante 12 meses, continuamente, também pode, Dr. Cruz???
    O pagamento de qualquer atividade não pressupõe uma contrapartida: a efetiva prestação dos serviços, Dr. Cruz????
    Como fica a questão da moralidade administrativa??????

    • É se mexer o angu ele fica bom,agora se deixar fica caroço. É isso ai Ulisses mostra que você tem saco roxo, corta essa TETA que são pouco que mama na TETA ali no RH então a TETA e de vaca Holandesa, leite puro e quente. Fala para eles acabou a TETA.

      • isso mesmo o sr ULISSES APENAS FEZ MAS UM CHOUZINHO POIS NAO DISSE NADA QUE OS EFETIVOS JA NAO SABIA . APENAS QUIS SE FAZER DE BOM MOÇO, ISSO DEPOIS DE PERCEBER QUE SUA JOGADA NAO ESTAVA DANDO CERTO EM JOGAR OS EFETIVOS UNS CONTRA OS OUTROS POR QUE NAO FILMOU PARA POR NA MIDIA???

        • NAO FILMOU POR QUE FICOU COM MEDO.POIS SABEMOS QUE TERIA EFETIVO QUE IRIAM QUESTIONAR E O SR.ULISSES NAO TINHA COMO SE EXPLICAR. SO EXPLICOU O QUE ERA DO SEU ENTERESE POIS TEM COISAS QUE NAO DARIA PARA SE EXPLICAR…AI VEM VC AKINO DIZER QUE ENGOLIMOS A SECO …VALE MAS APENA DETONAR OS EFETIVOS DO QUE VER A VERDADE POR TRAZ POIS OS EFETIVOS NAO VAO USAR A MIDIA PARA SEUS INTERESES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>