PP abandona barco de Richa

De Cícero Cattani:
Como previsto aqui, o PP vai desembarcar da canoa de Beto Richa. Dia e hora dependem de uma reunião da Executiva na próxima semana. Descontentes com a perda da Secretaria do Meio Ambiente, o partido de Ricardo Barros vai enviar uma carta ao governador pedindo de volta o espaço  que corresponda a importância de uma secretaria. A diretoria – não sabe qual – da Copel não foi suficiente para acalmar os pepistas, que  perceberam ter chegada  a hora de se bandear para os lados de Gleisi. Beto deu o pretexto que faltava. Dia 22, Lula estará em Curitiba para reunir a tropa aliada, a bancada federal mais Ricardo Barros vão estar lá. E Beto ganha a Secretaria da Indústria e Comércio para algum novo aliado.

Angelo Rigon


18 pitacos em “PP abandona barco de Richa

      • Não somos não amigo… não somos não… não sou nem saco e nem farinha… e se ver que a coisa descamba, jogo a toalha e vou cuidar da vida, como sempre fiz…

        Quanto a OAB amigo, não preciso dela, tenho outra formação e o direito é complemento a minha atividade. Não fiz, não vou fazer, não preciso… não tenho a “neura” de alguns … conhecimento é conhecimento, profissão é profissão…

  1. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Essa vai ser boa de se ver…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Os aliados da barrolândia, que ficaram a última campanha toda desconjurando os “petralhas”, os “mensaleiros”, os “sem-terra”, agora vão ter que engolir o sapo barbudo (Lula) e a Barbie Gleise.
    Já os petistas, que dizem que o Ricardo e a sua trupe de miquinhos amestrados, representam o capeta e todos os demais seres malignos, agora vão ter que fazer campanha lado a lado. Quem sabe até apoiá-lo para senador.
    Só serve para mostrar como são todos farinha do mesmo saco.

    • Esse é o lado perverso dos governos de coalisão, a idéia um dia é nos livrar desse mal…Sou a favor de uma aleição ideológica, de um eleitor ideológico, de um governo ideológico, mais isso requer tempo, aprendizado democratico e conciência de cidadania, enquanto isso não acontece temos que trilhar os caminhos apontados por LULA no início de seu governo, “vamos trabalhar pra fazer o o possível sem nos esquecer do ideal”, mais essa conjectura me da nojo, com tudo é o que é possível.
      Nos aliviemos entãonos programas sociais que essa coalisão está nos permitindo implementar, temos que encontrar uma outra linguagem que revolucione as relações capital e social.

  2. Pouca vergonha se isto acontecer.
    É o tipo de apoio que mostra o
    quanto os nossos poliÍicos valem.
    Se o PT aceitar este cara no barco,
    pode ter certeza qye vou rasgar meu
    titulo.

  3. Mas… é um LEITÃO VE$GO mesmo, né não?
    Parece que está percebendo que Dilma não é Lula e que o DINDIM não vai chegar a$$im…
    Primeiro se sujeitou a ser vice líder do Lula…
    Depois… cuspiu no prato em que comeu: fez campanha CONTRA Dilma – a favor do “cerra” (como diz Paulo Henrique Amorim) e, ao invés de trabalhar pro Osmar Dias foi de beto richa…
    E…muiiiiiito engano de quem diz que ele fez campanha pra Gleisi.Nininão…
    Por i$$o que agora falam tanto em Banco Mundial ou coi$a parecida… as torneirinhas secaram… Kkkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!!!

  4. Rato é Rato.

    Para pular fora do barco é sentir algum medo.

    Vai tentar lamber o Lula para ver se consegue
    alguma boquinha, ou quem sabe implorar para
    que o Enio pare o processo para ele continuar
    na teta da prefeitura, isto é do Pupin.

    Mas ¨RATO É RATO¨

  5. Na órbita de Lula gira tudo: gente boa, gente ruim.
    Não existe purismo na política. Os puros viram seitas eternamente perdedoras. Nunca constroem sequer o possível.

    O difícil é saber até que ponto dá para se misturar sem cair e se sujar na lama. Aí fica ao gosto do cidadão honesto e de esquerda decidir se é muito ou não o fardo de ter que suportar o embarreado.

    Não é mole não… Espero que o Lula saiba exatamente o que faz.

    Mas o jogo é o seguinte. Manter vivo (na uti) um cadáver político da oligarquia locar para poder construir um palanque para Dilma no interior do Pr.

    • Cadáver?
      Um cara que já está no quarto mandato e manda, não só na Prefeitura, mas na Câmara, em toda a imprensa da cidade, na Acim, na Sociedade Rural, na Maçonaria, em alguns juízes, em várias igrejas, etc, etc, etc.

    • o nosso trabalho se torna mais dificil, mais não podemos desistir, o nosso papel é construir na nossa base outras possibilidades, por exemplo debater mais com o intuito de construir um cidadão crítico das realidades sociais,

  6. Nao aceito de forma alguma um politico desse, que vive mudando de lado, xO, forasteiro, sem ideal.

    Fica mais feio para o PT do que para o Ricardo Barros.

    Vergonha! Vergonha!

    Enio Verri o que vc diz sobre o assunto, nao eh possivel aceitar um fato desse, um politico podre desse mudar para o seu lado, depois de tudo que fez e faz contra o PT na cidade e regiao.

    Ricardo Barros vc nao passa de um tremendo picareta, mentiroso, arregao, aproveitador.

    • Amigo não é questão de feio ou bonito, é o pragmatismos proprio da política, não defendo isso não, mais é isso e é real…
      Pessoalmente confesso tenho dificuldade de dizer até bom dia pra o Ricardo ou qualquer um de sua tropa, pronto falei…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>