Urbamar

Tinha esquecido. Incluo no nosso pedido ao irmão Sílvio II que reflita sobre a extinção da Urbamar, que é uma empresa pública, que acumula um prejuízo de mais de R$ 5 milhões. Que não tem função. Que consome mais de R$ 3 milhões anuais, boa parte para pagamento de salários a diretores e comissionados, que não têm o que fazer. Que Deus o ilumine, Sílvio.

Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>