A lei que criou a Urbamar

Este é o texto da lei que criou a Urbamar, que salvo engano já cumpriu a sua finalidade e hoje é apenas um sangradouro de recursos públicos, funcionando como cabide de acomodação de correligionários políticos. Há um caso, que pode ser um verdadeiro escândalo, já denunciado por nós diversas vezes e até agora não respondido, que foi o caso da contratação de um Escritório de Advocacia de Curitiba para defendê-la numa causa já ganha em primeira instância, com pagamento antecipado e em percentuais do valor da dívida.
A Câmara de Maringá, através de todos os vereadores honestos, e comprometidos com a fiscalização do dinheiro  público, não pode se omitir. Como diria o Fuji, mudanças são imprescindíveis.

Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>