IAP multa fábrica de refrigerantes

Indústria Ouro Verde diz que houve sabotagem.

16 mil litros de soda cáustica vazaram da fábrica de refrigerantes Ouro Verde, de Maringá, contaminando cerca de 1.000 metros quadrados num terreno ao lado. O produto é usado na lavagem das garrafas e a empresa suspeita de sabotagem. O IAP vai multar a Ouro Verde por crime ambiental. O valor da multa pode chegar a R$ 100 mil.

A CBN  fez matéria e a TV Cultura (RPC/Globo) exibiu reportagem a respeito ontem à noite.

(Foto: Reprodução TV Cultura)

Angelo Rigon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>