Ex-deputado pode ir a júri popular

Juiz decide hoje que tipo de julgamento terá  Ribas Carli, responsável por acidente que matou dois.

A primeira audiência será agora pela manhã, em Curitiba. Leia mais.

O ex-deputado estadual só perdeu o seu mandato e hoje figura como réu também graças à contribuição de um maringaense, o ex-presidente estadual do PMN Willy Taguchi, que se colocou à disposição das famílias enlutadas e fez o primeiro pedido de cassação de mandato do então parlamentar. A atitude acabou tirando a presidência do partido de Taguchi, que hoje está no PPS, mas ajudou a pressionar Carli, que acabou renunciando ao cargo, o que veio a possibiltiar a posse do advogado maringaense Wilson Quinteiro (PSB) na Assembleia Legislativa, meses depois.

Angelo Rigon


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>