Quarta em Maringá

A volta do tempo firme à cidade fez me lembrar da Maringá dos meus tempos de adolescente. As calçadas estavam tomadas pelas pessoas, por vendedores de antenas e por cantores andinos se apresentando e vendendo seus CDs. Em alguns casos, a aglomeração até atrapalhava o trânsito de pessoas. A movimentação parecia maior nos cruzamentos das avenidas que entraram no sistema binário. No fundo, o agito faz bem à Cidade Canção na retomada de sua vida normal. Agora, o calor continua de lascar.

Angelo Rigon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>