Secretarias desnecessárias

Sem dúvidas um dos maiores absurdos administrativos da atual gestão municipal de Maringá foi a criação da Secretaria de Relações Interinstitucionais – a Serei -, nomeando para secretário Luiz L. Sorvos (R$ 7.430,00), Ercílio Santinoni, diretor administrativo (R$ 4.750,00), e Jefferson Rodrigo Garcia Colombo, gerente administrativo (R$ 2.999,91). Custo anual com comissionados, entre salários e encargos: R$ 242.500,00 aproximadamente. As despesas totais com a secretaria foram orçadas em R$ 450.700,00.

Akino Maringá, colaborador

Angelo Rigon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>