Má-ringá

Feliz a geração de maringaenses que pôde dar uns amassos dentro do Horto Florestal, namorar mais comportadamente no Parque do Ingá, visitar o Bosque Dois, ver a fonte luminosa da Catedral em ação ou até mesmo pescar no Buracão da Morangueira. Há tempos o que eram atrações turísticas da cidade, opções de lazer principalmente para a classe mais carente, estão fechadas ou depredadas, sem nenhuma estrutura. E isso acontece justamente quando um “especialista” em turismo dirige a cidade…

Angelo Rigon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>