Uma nova era na indústria cinematográfica

12/06/2019
A nova tecnologia é capaz de criar efeitos especiais impecáveis. (Fonte: Google Images)

Desde o ano de 1899, quando os irmãos Lumière exibiram um filme na primeira sala de cinema do mundo, a indústria cinematográfica não para de crescer. E essa evolução nos trouxe o que conhecemos hoje: filmes longos e cheios de efeitos especiais, sonoros e ricos em cores.

Os primeiros filmes da história, a exemplo do conhecido ‘’A viagem à Lua’’ de Georges Mélliès (1902), demonstram a diferença entre as obras de cinematografia antigamente e as de hoje. Cenários imensos eram montados à mão pelos envolvidos. O armazenamento eram feitos em rolos de filmes e podiam durar no máximo, cerca de 20 minutos.

A nova fase da indústria cinematográfica conseguiu reunir o melhor das duas épocas – a duração ideal que envolve o espectador e o uso dos efeitos especiais. Além disso, a novidade da vez são as famosas séries. Cada episódio de uma série apresenta duração entre 20 a 50 minutos, criando episódios separados e envolvendo por ainda mais tempo o espectador.

Séries cada vez mais fortes

 Alguns seriados foram capazes de conquistar o mundo por sua trama e seus efeitos especiais. Os computadores modernos conseguem dar vida a dragões, reinos e batalhas colossais apenas apelando para efeitos gráficos digitais. A aclamada série Game Of Thrones, do canal fechado de televisão HBO, mostrou-se excelente neste aspecto.

A indústria atingiu um alto nível de produção e conseguiu popularizar a ideia do uso dos efeitos especiais. As crescentes obras cinematográficas estão ganhando tamanha importância e repercussão na vida das pessoas, que não é incomum observar influências das telas nos comércios.

Hoje, é muito comum encontrar derivações e referências dos materiais produzidos para as telas. De vestimentas a jogos temáticos, como o aclamado Game Of Thrones, do grupo NetBet cassino online brasil, tudo o que é produzido nas telas possui reflexo nos mais variados nichos, mostrando a influência das produções atuais.

Dragões ganham vida na aclamada série Game Of Thrones. (Fonte: TV Guide)

Quais as vantagens da nova forma da cinematografia?

 Se antes era necessária a locomoção até um shopping onde houvesse salas de cinema e se pagasse muito caro para assistir algum filme, hoje há a facilidade de assisti-los na sala de estar, sem sair de casa. Ademais, os computadores e smart TVs estão prontos para reproduzirem conteúdos incontáveis a apenas um clique.

O avanço da tecnologia foi fundamental para que essa nova forma de cinema ganhasse vida. A partir do momento em que estão disponíveis plataformas virtuais na internet onde seja possível a exibição de filmes ou episódios, a concretização desse trabalho é viabilizada.

E, além disso, a criação de séries com episódios consideravelmente curtos aumenta a disponibilidade de reprodução para o espectador. Não é mais necessário que uma pessoa pare suas obrigações do dia para não perder a exibição. O espectador agora assiste quando quer, no momento que lhe for melhor.

Finalmente, a indústria cinematográfica, com toda essa evolução, proporciona também uma quebra no paradigma de que só pessoas da elite social teriam acesso a essa cultura do cinema. Qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo e independente da classe social que esteja inserido, tem a oportunidade de ter contato com esse mundo cheio de cores, efeitos especiais e histórias fantásticas.