Pegadinha fingindo de demônio na igreja

O Daniel Soares do XPock fez uma pergunta no seu blog, e eu gostaria de fazer a mesma para vocês: Existe algum limite para o humor?

Eu sou evangélico com muito orgulho, mas sei que existem muitos picaretas espalhados por aí, mas como somos parte de um estado laico, é meu dever  como cidadão e como cristão respeitar TODAS as religiões e todos os que não praticam nenhum tipo de fé. E eu fico me perguntando se este rapaz, que já foi discutido aqui anteriormente no episódio onde ele burla o refrigerante no Burguer King.

O cara faz uma pegadinha com pastor, em um culto onde as pessoas supostamente possuídas são libertas. Ele se finge de possuído e depois sai correndo dentro da igreja zombando de todos, e no fim se justifica dizendo que foi apenas uma brincadeira!

E eu pergunto, até que ponto as brincadeiras ou humor são aceitáveis?

Compartilhe