Ciência confirma: pessoas inteligentes vão dormir tarde, são bagunceiras e falam palavrão

Pessoas muito inteligentes costumam mudar sua visão de mundo diferentemente de pessoa que estão na média da pontuação de QI. Essa mudança inclui pensamento não convencional, agir e lidar com situações.

O que os pesquisadores conseguiram descobrir  sobre pessoas inteligentes é o fato de que, quanto maior o seu QI, menos se preocuparam com inúmeros itens diários que parecem ocupar muito das pessoas como, por exemplo, arrumação, “observar seu palavreado’ e ir para cama cedo.

1 – Eles falam muito palavrão

Embora a sua habilidade particular sirva bem para julgar quando começar a soltar palavrões a torto e a direito, pessoas inteligentes certamente usam bastante palavrões. Acredita-se que uma pessoa que fala bastante palavrão não é muito inteligente, pois não têm condições de interagir de forma correta e compensam usando palavras de baixo calão.

Mas uma pesquisa recente mostra que a capacidade de produzir termos de baixo calão está intimamente ligada a um alto vocabulário e fluência. Isso desmascara o conceito de que a fluência razoável é correlacionada e determinada por palavrões. Pelo contrário, palavrões e insultos são influenciados pela alta fluência e vocabulário, uma coisa que homens e mulheres altamente inteligentes têm, sem dúvida.

2 – Estes são tipicamente notívagos

Pessoas inteligentes não podem ir dormir cedo. Em pesquisa realizada com jovens americanos, foi mostrado que, quanto maior o QI, mais tarde eles tendem a dormir.

A pesquisa mostrou que “as crianças mais inteligentes crescem para ser mais noturnas do que as crianças menos inteligentes”.

Os resultados mostraram que as crianças com QI menor de 75 irão para cama por volta das 23h41 nas noites da semana e as crianças com QI em excesso de 125 vão dormir às 00:29.

3 – Eles vivem em uma bagunça organizada

De agora em diante, você precisará perdoar uma mesa desordenada, porque pode ser de uma pessoa com alto QI. Um grupo de especialistas e cientistas psicológicos da Universidade de Minnesota descobriu que uma mesa desorganizada incentiva o pensamento criativo e encoraja novas ideias.

Um ambiente bagunçado também está relacionado com o fato de nos desligarmos de um pensamento ou atitude comum, portanto, dessa forma, pessoas de alto QI tem a capacidade de criar novos conceitos sobre coisas que não damos valor.

Portanto, na próxima vez que encontrar alguém inteligente, vá em frente e imagine-os tarde da noite em suas mesas bagunçadas, falando palavrão a torto e a direito e elaborando estratégias para a vida.

Compartilhe